Geral

Copa do Catar: Argentina é campeã ao derrotar, nos pênaltis, a França por 4 a 2

Em partida disputada até na prorrogação, que teve empate de 3 a 3, argentinos são tricampeões mundiais

Numa partida repleta de reviravoltas e emoções dignas de uma finalíssima de Copa do Mundo, a Argentina venceu a França por 4 a 2, nos pênaltis, em disputa realizada no Estádio de Lusail, em Doha, Catar, neste domingo (18). Com a vitória, a seleção de Lionel Messi é tricampeã da competição, depois de 36 anos desde o último título (1986).

Como esperado, o duelo entre os titãs Lionel Messi e Kylian Mbappé rendeu boas jogadas e muitos gols. Ambos foram os grandes nomes da partida: Messi marcou dois gols, e converteu um pênalti na decisão após a prorrogação, além de participar de jogadas importantes para o resultado. Mbappé fez três gols e ainda converteu seu pênalti, colocando de vez seu nome no hall da fama da competição.

Messi levanta a taça dos campeões na Copa do Mundo do Catar. Foto: Divulgação/Fifa

Momentos importantes da partida
No primeiro tempo, a equipe argentina mostrou superioridade, realizando jogadas com Messi e Álvarez. Aos 23′, depois de um pênalti de Dembélé em Di María, Messi abre o marcador para seu time. Ele também participou da jogada que culminou no segundo gol da Argentina, em contra-ataque, quando fez um passe para Mac Allister, que tocou para Di María converter, aos 36′.

No segundo tempo, a equipe francesa voltou mais organizada e conseguiu imprimir mais pressão nos adversários. Aos 80′, o zagueiro Otamendi fez pênalti em Kolo Muani e Mbappé marcou, mudando os rumos da etapa final da partida. Logo no minuto seguinte, Coman roubou a bola de Messi e passou para Thuram, que tocou para Mbappé (81′) dar um voleio excepcional e empatar para a França, levando o jogo para a prorrogação.

Durante a segunda etapa da prorrogação, a Argentina se aproximou do título aos 108′, num gol de Messi. A seleção argentina recuperou a bola no meio de campo e iniciou um contra-ataque rápido pelo lado direito. Lautaro chutou, Lloris espalmou e Messi converteu, quando sobrou para ele.

Aos 118′, mais emoção. O juiz deu penalidade máxima quando o lateral direito argentino Montiel tocou com a mão na bola quando estava na área. Mbappé empatou para a França, levando a partida para os pênaltis.

Nos pênaltis, a Argentina levou a melhor, acertando todas as quatro cobranças que seus jogadores tiveram. Os franceses perderam duas das quatro cobranças que tiveram.

Confira abaixo o histórico dos dois times em suas respectivas finais:

Finais da Argentina em Copas do Mundo
1930: Argentina 2 x 4 Uruguai
1978: Argentina 3 x 1 Holanda
1986: Argentina 3 x 2 Alemanha

1990: Argentina 0 x 1 Alemanha
2014: Argentina 0 x 1 Alemanha
2022: Argentina 3 x 3 França (4 a 2 nos pênaltis)

Finais da França em Copas do Mundo
1998: França 3 x 0 Brasil
2006: França 1 x 0 Itália (3 a 5 nos pênaltis)
2018: França 4 x 2 Croácia
2022: Argentina 3 x 3 França (4 a 2 nos pênaltis)


Seleções da partida

Argentina
Emiliano Martínez; Nahuel Molina (Montiel), Cristian Romero, Nicolás Otamendi e Nicolás Tagliafico (Dybala); Rodrigo De Paul (Leandro Paredes), Enzo Fernández e Alexis Mac Allister (Pezzella); Di María (Marcos Acuña), Lionel Messi e Julián Álvarez (Lautaro Martínez). Técnico: Lionel Scaloni.

França
Hugo Lloris; Jules Koundé (Disasi), Raphael Varane, Dayot Upamecano e Theo Hernández (Eduardo Camavinga); Aurelien Tchouaméni e Adrien Rabiot (Fofana); Ousmane Dembélé (Randal Kolo Muani), Antoine Griezmann (Coman) e Kylian Mbappé; Olivier Giroud (Marcus Thuram). Técnico: Didier Deschamps.

Foto de capa: Tânia Rego/Agência Brasil

Reportagem de Daniela Oliveira, com edição de texto de Gabriel Folena

LEIA TAMBÉM: “Mozões da Copa” mobilizam torcida interessada no time de gatos do Mundial
LEIA TAMBÉM: Copa de hambúrgueres: os melhores e os piores sanduíches comemorativos do McDonald’s

Agência UVA é a agência experimental integrada de notícias do Curso de Jornalismo da Universidade Veiga de Almeida. Sua redação funciona na Rua Ibituruna 108, bloco B, sala 401, no campus Tijuca da UVA. Sua missão é contribuir para a formação de jornalistas com postura crítica, senso ético e consciente de sua responsabilidade social na defesa da liberdade de expressão.

0 comentário em “Copa do Catar: Argentina é campeã ao derrotar, nos pênaltis, a França por 4 a 2

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s