Esporte Multimídia

Aberta a temporada dos Jogos Estudantis do Rio

A competição que conta com atletas do sistema público e privado do Ensino Fundamental e Médio do Rio de Janeiro vai ocorrer de 02 a 12 de Outubro

Parceria com o projeto Fim de Jogo/DC Press

Se é para inspirar os jovens em um momento difícil, o esporte pode ser um caminho importante. Vão começar os Jogos Estudantis do Estado do Rio de Janeiro e o lançamento foi no  Palácio da Guanabara, em Laranjeiras, na manhã da última quinta-feira (30).

A competição tem como principal objetivo promover a prática esportiva em instituições de ensino públicas e privadas do Ensino Fundamental e Médio. Atletas de escolas de todo estado, entre 12 e 17 anos, poderão participar com equipes masculinas e femininas do torneio que vai de 2 a 12 de outubro em diversos pontos do Rio.

Revelações e Inspirações

Os Jogos Estudantis já revelaram campeões em diversas modalidades esportivas. Nomes como os de Rebecca Andrade, campeã olímpica pela ginástica artística; e Gabriel Constantino, recordista sul-americano nos 110m com barreira, reconhecidos por sua participação nas Olimpíadas de Tóquio, foram revelados por essa iniciativa.

“Fui atleta dos Jogos Estudantis e das Olimpíadas da Juventude e nestes momentos aprendi a ter responsabilidade dentro do esporte”,  disse Gabriel Constantino, que participou da cerimônia de lançamento dos jogos.

“Também descobri nos jogos o que queria para meu futuro. Comecei na Vila Olímpica da Mangueira e a junção do esporte com o estudo me capacitou para ser um atleta olímpico”, completou ele, durante a apresentação dos Jogos Estudantis.

O atleta olímpico também contou ao Fim de Jogo que, apesar de ter feito diversos esportes na sua infância, acabou optando pelo atletismo pois se inspirava em competidores dessa modalidade.

Gabriel Constantino fala da importância de iniciativas como os Jogos Estudantis. Fonte: Fim de Jogo.

“Os jovens se inspiram muito nos atletas de hoje, como eu e a Rebecca Andrade, por exemplo. A representatividade de um atleta é muito maior do que a de muitas profissões. Meu sonho é que daqui a dez, 20 anos surja um novo campeão olímpico que tenha participado dos Jogos Estudantis. E para isso esse projeto tem que continuar ganhando força ”, relatou o atleta.

Para Priscilla Honório, coordenadora dos Jogos Estudantis do Rio de Janeiro, o evento gera oportunidades para atletas de escolas públicas.

“As escolas públicas têm poucas oportunidades de participar de eventos que têm inscrições pagas. Os Jogos são totalmente gratuitos e acessíveis a todos os atletas da rede pública. Além disso, é normal que as escolas particulares busquem atletas nessa competição, garantindo assim bolsas de estudos para quem eles identificam potencial esportivo”, comentou.

LEIA TAMBÉM: Suspeita de manipulação nos jogos do campeonato carioca reabre discussão sobre legalidade dos cassinos virtuais no Brasil

O Palácio Guanabara recebeu atletas, lideranças esportivas, gestores e imprensa para o lançamento dos Jogos Estudantis 2021. Fonte: Fim de Jogo/Cris Dissat

Modalidades e regras de inscrição

Atletismo, Basquete, Handebol, Xadrez, Wrestling, Badmintom Ginástica Rítmica, Vôlei, Judô, Ginástica Artística, Tênis de Mesa, Vôlei de Praia e Natação são as modalidades em disputa no torneio. O campeão estadual de cada modalidade se qualifica para a etapa nacional do torneio, podendo disputar até mesmo os jogos mundiais, caso também se qualifique no sul americano.

O regulamento dos Jogos prevê que somente serão aceitos alunos matriculados até dia 1º de outubro de 2021, com frequência escolar comprovada. Além disso, caso o aluno tenha matrícula tanto em escola particular quanto pública, terá que representar a rede pública.

O formulário de inscrições e outras informações podem ser acessadas no site www.jogosestuantisrj.com.br e também no Instagram @jogosestudantisrj.

Como acompanhar

Por conta das restrições de saúde decorrentes da pandemia da Covid-19, o evento não contará com a participação do público. Também não está previsto nenhum tipo de transmissão para os jogos.

LEIA TAMBÉM: Paraolimpíadas Tóquio 2020: delegação brasileira emplaca quatro medalhas no primeiro dia de jogos

Reportagem de Gabriel Figueiredo, originalmente publicada no Blog Fim de Jogo, que faz parte do projeto de educação entre a Agência UVA (Universidade Veiga de Almeida) e a DC Press/FimdeJogo. Supervisão Cris Dissat e Daniela Oliveira. 

1 comentário em “Aberta a temporada dos Jogos Estudantis do Rio

  1. Pingback: Após 577 dias, Fluminense e tricolores têm reencontro amargo no Maracanã | Agência UVA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s