Comportamento Sociedade

Cantor Seu Jorge sofre racismo durante show em clube

O artista afirmou ter ouvido pessoas imitando o som de um animal

O cantor e ator Seu Jorge alegou ter sofrido racismo durante uma apresentação no clube Grêmio Náutico União, em Porto Alegre (RS), na última sexta-feira (14). O artista, de 52 anos, afirmou ter escutado vaias e xingamentos preconceituosos ao final do show.

Em vídeo publicado em sua rede social, intitulado “Meu Rio Grande do Sul”, com o fundo ilustrado por uma bandeira do estado sulista, o cantor explicou e repudiou o episódio de racismo sofrido, e disse não reconhecer o estado que aprendeu a amar e respeitar. “Não era a cidade que eu conhecia, dos inúmeros shows com as bandas amigas. Na verdade, o que presenciei foi muito ódio gratuito e muita grosseria racista”, desabafa.

Na publicação, o artista ainda convida a sociedade afro-brasileira a se integrar aos movimentos sociais existentes, para que seus direitos sejam respeitados, e pede que continuem lutando pela pauta antirracista. Durante o vídeo, o cantor abomina toda forma de preconceito e discriminação, e destaca o fato de jovens negros ainda serem vítimas de casos de preconceito racial todos os dias, ressaltando a ineficácia do Estado no combate ao racismo estrutural e institucional, o que evidencia a negligência estatal permanente no cenário da nação.

“Nunca, jamais, nos curvaremos ao racismo e à intolerância, seja ela qual for. Não cederemos um milímetro ao ódio, e cobraremos das autoridades que a Justiça prevaleça e os criminosos sejam devidamente punidos. A lei é para ser cumprida”, afirmou Seu Jorge.

Esclarecimento do clube

Por meio de nota, o Grêmio Náutico repudiou toda forma de preconceito e afirmou estar investigando o ocorrido. Confira abaixo:

“O Grêmio Náutico União está apurando internamente os fatos ocorridos em evento realizado no dia 14 de outubro, durante apresentação do cantor Seu Jorge. Se for comprovada a prática de ato racista, os envolvidos serão responsabilizados. Afirmamos que o União, seguindo seu Estatuto e compromisso com associados e sociedade, repudia qualquer tipo de discriminação.

Ressaltamos que Seu Jorge foi o artista escolhido para realizar show com a presença de associados e não associados do Clube considerando sua representatividade na cultura nacional e pelo reconhecimento internacional, e destacamos nosso respeito ao profissional e a seu trabalho.”

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul abriu um inquérito para apurar o caso, e ouvirá testemunhas e o presidente do clube Grêmio Naútico União a partir da terça-feira (18).

Foto de capa: Reprodução/Instagram

Reportagem Isabelle Valente com edição de texto de Larissa Teixeira

LEIA TAMBÉM: Vinícius Jr. “baila” em vitória do Real Madrid após ser vítima de racismo

LEIA TAMBÉM: “Eu sinto medo”, diz descendente de chineses ao falar sobre racismo amarelo

0 comentário em “Cantor Seu Jorge sofre racismo durante show em clube

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s