Comunicação

Bate-papo sobre jornalismo político tem a presença de editores da Globo News

Universidade realiza primeira edição do Prêmio Universitário de jornalismo

O jornalismo político também esteve em pauta num dos bate-papos do 1° Prêmio de Jornalismo da UVA. Na última quarta-feira (27) à noite, o Doutor em Comunicação e professor da universidade, Eduardo Bianchi, mediou a conversa dos editores da Globo News, Aldir Cony e Marina Ferreira. Eles relataram experiências, deram dicas sobre o jornalismo político e responderam a várias perguntas dos discentes.

Os convidados começaram a conversa se apresentando e contando um pouco da trajetória profissional que eles cursaram. Marina Ferreira é formada pela PUC-Rio, estagiou na faculdade e aconselhou todos a aproveitarem o máximo possível das oportunidades ofertadas durante a graduação.

Aldir Cony, estudou na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e posteriormente trabalhou na redação de um pequeno site e na emissora Band.

Questionado sobre o fazer jornalístico no decorrer da pandemia, Cony comentou:

“Muita coisa mudou exceto uma, o jornalismo. Nosso trabalho na busca por informação”, disse Aldir.

Para o editor, a principal dificuldade foi lidar com a falta de confiança nas informações repassadas pelo governo. A solução encontrada, nesse caso, foi a união dos veículos em um consórcio, em que cada um ficou responsável pelas informações de uma região e assim puderam repassar ao público.

Diante do momento político do País, Marina afirmou: “o jornalista é um defensor dos direitos humanos, nós fazemos um juramento e não pode existir neutralidade quando um direito humano é violado”. Aldir complementou, dizendo que não há imparcialidade na profissão, pois cada jornalista tem sua vivência, mas, como profissionais, precisamos buscar um afastamento e se comprometer a não defender nenhum lado. 

“Também é preciso entender que algumas coisas não são opinião, como homofobia e nazismo, essas são questões absolutas e indiscutíveis”, completa o repórter.

Com relação a fake news, ambos ressaltam a importância do trabalho jornalístico na checagem dos fatos e de um veículo sério e comprometido com a verdade, que passe confiança para a população. Além disso, o profissional de comunicação deve se dedicar a ser também um tradutor da notícia.

Cony diz, “Não podemos fazer jornalismo para jornalistas, preciso pensar se minha mãe ou meu vizinho vai entender a notícia. Não adianta entregarmos uma pedra maciça para a pessoa que está em casa, precisamos lapidar a informação.”

Ademais, Marina compartilhou como adquiriu o gosto pela política, convidando também os alunos a serem curiosos e desbravarem os campos de conhecimento da profissão. “Quando eu estava na faculdade eu entrei em uma aula sobre o processo eleitoral e essa aula ela abriu o meu olhar de forma que eu pensei que o professor não deu uma aula sobre eleição, mas sobre a nossa vida.”

“Então o que me fez amar o jornalismo político foi entender sua aplicação prática, enxergar a política na vida real.”

Além de seus respectivos empregos na Globo News, os dois jornalistas criaram uma conta no Instagram, chamada @jornada.polis, onde falam sobre o universo do jornalismo.

Beatriz Pontes – 7° período

Com revisão de Aline Meireles – 4 º período

LEIA TMABÉM: Curso de Jornalismo da UVA tem semana de lançamento de seu primeiro Prêmio Universitário

LEIA TAMBÉM: Primeira oficina do Prêmio Universitário de Jornalismo da UVA foca nos bastidores de uma transmissão de futebol

1 comentário em “Bate-papo sobre jornalismo político tem a presença de editores da Globo News

  1. Pingback: JotaUVA Talk News retorna com live sobre o que fazer após a formatura | Agência UVA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s