Educação

Segunda oficina do Prêmio Universitário de Jornalismo da UVA mostra o funcionamento da Assessoria de imprensa digital

Evento fala sobre as funções de um assessor de imprensa no ambiente digital

Na tarde desta quinta-feira (28), ocorreu a segunda oficina do Prêmio Universitário de Jornalismo da UVA, que contou com a presença da jornalista Kelly Couto, CEO da revista Capital Econômico e da Couto Comunicação, realizada via Microsoft Teams. Kelly contou um pouco de sua história e compartilhou dicas importantes para desempenhar com profissionalismo o papel de assessor de imprensa digital.

O encontro foi mediado pela Coordenadora do curso de jornalismo da UVA Tijuca, Ana Cristina Rosado, e pela professora Érica Ribeiro. No início da conversa, Kelly Couto começa falando sobre como funciona o papel do assessor de imprensa e a importância de um bom planejamento estratégico para captar clientes.

” O assessor de imprensa tem o papel de vendedor nesse meio, é criar estratégias para fortalecer esse relacionamento entre cliente e marca”, destaca. A jornalista ainda ressalta que um assessor precisa ter uma sensibilidade para poder estabelecer uma relação entre a marca do cliente e os veículos de comunicação.

” O assessor de imprensa precisa ter sensibilidade para conectar ao máximo a marca do cliente com os veículos de comunicação, saber potencializar a visibilidade do negócio fazendo um bom planejamento estratégico para obter qualidade na entrega dos resultados”.

Kelly Couto, CEO da revista Capital Economico ( Reprodução: Microsoft Teams )

Kelly depois começou a explicar sobre as cinco ferramentas principais para fazer assessoria de imprensa digital, e destacou que o release é o principal meio pelo qual o profissional chama a atenção.

” O release é a porta de entrada. Se ele não estiver bem construído, o editor não vai se interessar pela sua pauta”. Outra questão bastante discutida foi a humanização de um jornalista, e como é importante construir essa relação sólida para com o cliente.

” Se você escreve um texto engessado para sua marca, isso pode causar um distanciamento. A comunicação precisa ser humanizada no meio digital, pois você está dando voz e imprimindo uma marca, o papel do jornalista é humanizar com cuidado e responsabilidade”, destaca.

Ao responder as perguntas de alunos, Kelly deu conselhos de como ser um bom assessor de imprensa digital, entre eles começar a construir relações com pessoas mais experientes do mercado e estudar mais os conceitos do empreendedorismo e também conhecer as ferramentas do Google, pois segundo ela essas estão sendo os principais requisitos para conseguir boas oportunidades de trabalho.

” É importante conhecer as ferramentas do Google, ter um conteúdo bem estruturado e ter em mente que não é a faculdade que vai te gerar o emprego, é você vim com a faca nos dentes e dizer: eu quero trabalho”.

Nesta quinta-feira (28) ainda vai acontecer a palestra sobre o 1° Prêmio Universitário de Jornalismo da UVA com a participação do jornalista e ex-coordenador do curso de jornalismo da UVA, Luís Carlos Bittencourt, para se inscrever é só ir no site do Prêmio.

LEIA TAMBÉM: TCCs nota dez são destaque do 1o Prêmio Universitário de Jornalismo da UVA

Maria Eduarda Duarte – 6° período

Com revisão de Aline Meireles – 4° período

1 comentário em “Segunda oficina do Prêmio Universitário de Jornalismo da UVA mostra o funcionamento da Assessoria de imprensa digital

  1. Pingback: É lançado o 1° Prêmio Universitário de Jornalismo da UVA | Agência UVA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s