Cinema Cultura Entretenimento Geral

O fim de Velozes e Furiosos: saga acabará nos próximos três filmes

Com quase 20 anos de sucesso, a saga principal se aproxima do seu fim, mantendo nomes conhecidos e estrelas na produção

A franquia de filmes de ação criada em 2001 pela Universal – conquistando uma legião de fãs pelas suas tramas bem desenvolvidas e adrenalina intensa – finalmente terá seu desfecho tão aguardado, segundo o famoso site The Hollywood Reporter. Com o retorno de Justin Lin à direção, presente em outros quatro filmes da franquia, a saga Velozes e Furiosos caminha para seu final nos três próximos filmes.

Caio Fernandes, fã assumido da franquia, admite que já estava ficando insustentável para história se manter por muito mais tempo e que o rumo que a saga estava tomando saía da proposta inicial dos primeiros filmes, que consistiam basicamente em tramas em torno de corridas (ou “rachas”), e acabou se tornando uma espécie de heist movie (filme de assalto) com cenas de perseguição e ação frenéticas.

“O que mais me fascina na franquia são as corridas, principalmente dos primeiros filmes. Com o anúncio do 11° filme da franquia acho que a maioria concorda que já estava na hora de fechar a história principal, uma vez que esta foi tomando outro rumo durante as obras, que saiam um pouco da proposta inicial do filme”, comenta Caio.

“Acho que a maioria concorda que já estava na hora de fechar a história principal”.

Caio Fernandes sobre a franquia Velozes e Furiosos

Em decorrência da pandemia do coronavírus, o filme Velozes e Furiosos 9, que tinha data para estrear neste ano, teve que ser adiado para março de 2021. O filme contará com a volta do personagem Han, que havia aparecido apenas no terceiro filme da franquia (Velozes e Furiosos: Desfio em Tóquio). Também participará do filme o astro John Cena, interpretando o irmão de Dominic Toretto no longa. Não foi apenas o filme da Universal que sofreu com a pandemia. Muitas outras produções tão esperadas em 2020 tiveram que ser adiadas para colocar a saúde das pessoas em primeiro lugar e muitas produções e lançamento foram interrompidos

Trailer do próximo filme de Velozes e furiosos que tem lançamento para 2021 (YouTube)

Entre o elenco que deve continuar nos próximos filmes, é certa a permanência do protagonista Vin Diesel (Dominic Toretto), acompanhado do restante do elenco fixo da franquia com Michelle Rodriguez (Letty Ortiz), Nathalie Emannuel (Ramsey), Sung Kang (Han Lue), Tyrese Gibson (Roman Pearce), Jordana Brewster (Mia Toretto) e Ludakris (Tej). Ainda não se sabe se Dwayne “The Rock” Johnson e Jason Statham irão retornar para os filmes principais, visto que eles possuem agora seu próprio spin-off, criado em 2019, e que foi um sucesso comparado com a história principal.

“Toda jornada tem um fim, acredito que esteja na hora de terminar a franquia. Os filmes estão cada vez mais ambiciosos, ainda continuam bons, mas tentar forçar cada vez mais filmes pode acarretar em uma queda da qualidade dos próximos. O que me prende nos filmes é a ação envolvendo carros, perseguição, corridas, apesar de que nos últimos filmes faltou um pouco desses ingredientes. Acredito que vão investir nos spins-offs, até porque é uma forma de arrecadar mais lucro mesmo não usando a franquia principal”, afirma Anderson Santos, fã da franquia que a adora de tal forma que coleciona os DVDs dos filmes e sempre os vê no cinema quando pode.

Apesar de encerrar a jornada de Toretto e sua família, este não será um adeus para a franquia tão adorada pelos fãs. Visto que já existe alguns spin-offs como Hobbs & Shaw, estrelado por The Rock e Jason Statham, e uma série animada da Netflix intitulada Espiões do Asfalto, que foi um sucesso entre os fãs. Fora essas duas produções ainda há outros projetos para o futuro da franquia, já que a marca é bastante lucrativa para a Universal.

“Toda jornada tem um fim, acredito que esteja na hora de terminar a franquia”.

Anderson Santos
Velozes e Furiosos: Espiões do Asfalto foi um sucesso da Netflix (Foto: Divulgação/Dreamworks)

“Acredito que com o fim da franquia eles possam explorar outras histórias mantendo o mesmo aspecto da história principal, ou fazendo alguma referência, como foi com Hobbs e Shaw”, afirma Caio.

A franquia da Universal, criada em 2001 conseguiu uma marca histórica com suas bilheterias ao alcançar a soma de mais de 5,89 bilhões de dólares (com filmes e spin-offs) em cenário mundial. Apenas o último filme, The Fate of the Furious, conseguiu arrecadar 1,23 bilhões de dólares.

Ainda não se sabe a data para começar a produção do último filme que dará um desfecho para a história. Porém, com o anuncio inesperado sobre acabar a trama principal, é esperado que nos próximos meses sejam divulgadas datas de produção, elenco e o ano que será lançado o longa. Até agora só se sabe a data de lançamento do Velozes e Furiosos 9, programado para 28 de março de 2021.

LEIA TAMBÉM:

Após anos separados, integrantes da banda RBD anunciam novo show online

Doutor Estranho é confirmado em novo filme do Homem-Aranha, que iniciará gravações este mês

Rafael Barreto – 8º período

1 comentário em “O fim de Velozes e Furiosos: saga acabará nos próximos três filmes

  1. Pingback: The Boys: Série do Prime Video é sucesso garantido | Agência UVA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s