Comportamento

Home office: desafios e regalias durante a quarentena

Trabalhar dentro de casa é a aposta das empresas para manter produtividade durante quarentena

Pela primeira vez em décadas, uma pandemia global faz com que as pessoas precisem adaptar as suas vidas de acordo com as regras de uma quarentena restrita. Para muitos trabalhadores, a rotina profissional não será mais a mesma. No atual momento, pegar a condução rotineira para chegar até o local de trabalho está fora de cogitação para muitos profissionais. Como trabalhar desta forma? A solução encontrada pelas empresas está no home office, mas não se deixe enganar: isso não tornará a atividade necessariamente mais fácil.

Trabalhar em casa apresenta árduos desafios que podem se provar um verdadeiro terror para muitas pessoas. Muito além das distrações causadas pelos familiares e os inevitáveis afazeres cotidianos, o home office é, por muitas vezes, uma “batalha contra a própria mente”. É o que vive o designer Guilherme Silva, com experiência de um ano trabalhando em casa. “Se manter focado no trabalho dentro de casa foi uma das tarefas mais complicadas que já enfrentei”, conta. 

Relembrando a experiência, Guilherme comenta que se via constantemente distraído pela possibilidade de ir descansar a qualquer momento que ele quisesse. Apesar de considerar isso como algo ótimo para o seu psicológico, ele conta que foi justamente essa liberdade que acabou diminuindo o seu rendimento durante o home office.

Falta de concentração pode ser um grande problema – Foto: Pixabay

“Qualquer tipo de cansaço ou estresse era um motivo para que eu parasse de trabalhar. Como não existia um chefe me cobrando a todo momento, eu não me sentia obrigado a fazer nada com urgência. Fiquei viciado em adiar a hora de trabalhar até o ponto de não sobrar tempo para entregar as tarefas dentro do prazo”, revela Guilherme.

Conforme o tempo foi passando e a procrastinação aumentando, Guilherme se transformou em um completo “refém da produtividade”, de acordo com as suas próprias palavras. “Eu não conseguia relaxar, sabe? Para mim, era impossível assistir um episódio de uma série para distrair um pouco sem que a minha mente ficasse me cobrando toda hora sobre o trabalho. Me sentia mal sempre que eu não estava produzindo, mesmo se eu já tivesse me dedicado por oito horas só naquele dia”, desabafa.

A experiência de Guilherme sobre o home office não diverge em quase nada da opinião pública que pode ser vista nas redes sociais. Ao que parece, não faltam motivos para que uma grande parte dos trabalhadores se sinta desmotivada para trabalhar em casa. Falta de contato social, necessidade de ser muito disciplinado e ansiedade gerada pela obrigação são apenas alguns dos problemas mais criticados pelos novos adeptos desse formato de trabalho.

A psicóloga Alice Gomes explica que grande parte desses problemas ocorre quando a mente de uma pessoa está acostumada a associar a própria casa como sendo um ambiente de relaxamento e o local de trabalho como um ambiente de produtividade.

“No momento em que esses dois lugares se ‘embaralham’ em um só, a mente do trabalhador tende a ficar confusa e ansiosa se ele não souber administrar bem o tempo necessário para se dedicar a cada uma dessas atividades”, detalha.

Alice trabalha como psicóloga há treze anos.
(Foto: Reprodução/Arquivo pessoal)

LEIA TAMBÉM: Profissionais de Educação Física ofertam vídeos para quem ficar em forma durante a quarentena
LEIA TAMBÉM: Como lidar com a solidão durante a quarentena

Segundo a psicóloga, a falta do contato social também pode ser prejudicial para o psicológico de pessoas que não costumam socializar fora do ambiente de trabalho.“Bater um papo com os colegas durante o intervalo e poder contar com a ajuda deles para te auxiliar são exemplos de pequenas coisas que podem renovar as energias e motivar uma pessoa durante um dia estressante no trabalho”, conta.

Produtividade versus home office
Do outro lado da moeda, há também casos e pesquisas que apontam o aumento de produtividade e diminuição do estresse durante o home office. Inclusive, existem diversos profissionais que não trocariam esse estilo de trabalho por nada, como é o caso do criador de conteúdo e empresário, Jordan Martins Donato. “Eu não largo de forma alguma o home office. É absurdamente mais conveniente para mim”, comenta.

Ao contrário da maioria, Jordan se sente distraído quando precisa trabalhar perto de outras pessoas. Ele acredita que o home office é o estilo de trabalho do futuro e afirma que é muito mais produtivo e feliz trabalhando dessa forma. No entanto, o empresário ainda admite que pode ser bastante difícil para algumas pessoas se adaptarem ao formato: “É muito fácil se distrair do trabalho. Você precisa se regrar toda hora”, ressalta.

Jordan começou a trabalhar em casa há dois anos – Foto: Arquivo Pessoal

De acordo com o empresário, o que mais o ajudou no período de adaptação foi ter parado de trabalhar dentro do próprio quarto para passar a se dedicar apenas em lugares que se encontram longe dos seus entretenimentos favoritos. “A presença de aparelhos como celulares, televisões e videogames podem te distrair para fora do trabalho”, alerta o empresário.

Entre os desafios e as regalias do home office, Guilherme e Jordan possuem opiniões diferentes sobre o assunto, porém, no fim, eles aparentam ter a mesma conclusão. Para ambos, trabalhar em casa possui pontos altos e baixos, que podem sair do controle caso a pessoa não se dedique. Há casos e casos. A produtividade do trabalho em casa depende de cada pessoa.

LEIA TAMBÉM: Coronavírus: cientista político analisa medidas governamentais em meio à pandemia
LEIA TAMBÉM: Populares comentam divergências de governantes sobre a pandemia

Rhuan Bastos – 7º período

3 comentários em “Home office: desafios e regalias durante a quarentena

  1. Pingback: Coronavírus: especialistas falam sobre a importância de continuar exercícios em casa | Agência UVA

  2. Pingback: Coronavírus: psicóloga conta como lidar com home office e solidão na quarentena | Agência UVA

  3. Pingback: Coronavírus: cariocas buscam novas diversões durante quarentena | Agência UVA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s