Economia

Cesta básica é um dos itens mais afetados por inflação em Fevereiro

População mais pobre é a mais prejudicadas pela alta da inflação

Legumes, verduras e grãos são alguns dos alimentos presentes no nosso dia a dia. Acordar com um bom café, almoçar uma salada colorida, um bolo de cenoura como lanche da tarde, são rotina na vida de muitos brasileiros, que se alimentam não apenas por necessidade, mas também por relaxamento e prazer.

Entretanto, com a alta da inflação que ocorreu em fevereiro desse ano, o acesso a esses produtos ficou mais difícil. Diversos itens da cesta básica, como os citados anteriormente, sofreram um aumento de preços devido a esse impacto, o que dificulta tanto a manutenção de hábitos clássicos, como tomar um cafézinho na rua, até realizar refeições de forma adequada.

A taxa de inflação saltou de 0.34% em janeiro para 1.07% em fevereiro, assim afetando o poder de compra de todas as faixas de renda do país. De acordo com os dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), as camadas da população de menor renda foram as mais impactadas pelo aumento dos preços.

O maior impacto para as famílias de renda muito baixa ocorreu por parte do valor de alguns itens da cesta básica. Alimentos como batata, cenoura e repolho tiveram grande elevação de preço dentro do período.

A cenoura foi o alimento que sofreu o maior índice de aumento (55.4%) de acordo com os dados do IPEA (Foto: piqsels.com)

Segundo o professor de economia Durval Meirelles, a crise hídrica, bem como a desorganização da cadeia de produção devido a pandemia do Covid-19, são dois dos fatores que fomentaram a escassez de alimentos de forma global.

Também de acordo com o economista, a população de menor renda, por ter a maior parte de sua verba destinada a produtos essenciais de alimentação, tende a sofrer com a inflação dos preços da cesta básica. A solução para uma resposta mais eficaz diante da crise seria apostar em educação e conscientização.

“O Brasil deve investir em políticas de conscientização e educação financeira, especialmente para as pessoas de renda mais baixa. Além de apresentar soluções de produtos alternativos, durante esse momento de crise”, comenta

Para Durval, diante do cenário de inflação, é necessário a intervenção do governo federal a fim de diminuir os impactos sofridos pelos brasileiros.

“Não adianta só elevar a taxa de juros na tentativa de combater a inflação, ainda mais em uma época pós pandemia e ocorrendo uma guerra. O governo terá que retornar o auxilio fiscal para ajudar no suporte desse reajuste”, complementa.

A estudante Nathalia Simonetti (26) revelou sentir os efeitos do aumento de preços na compra de alimentos: “Percebo sempre que compro café, porque está uma fortuna. O que era um pequeno valor, hoje tem se tornado um grande gasto. Também tive que abrir mão de tomar café na rua, o que acabou reduzindo meu consumo diário”, lamenta.

O café , com um aumento de 2.5%, foi um dos produtos mais impactados pela inflação, conforme apontado pelo IPEA (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

Para a empresária Sara Vaz, a diferença é sentida na quantidade de produtos e serviços que podem ser adquiridos em simultâneo, sem que haja grandes prejuízos financeiros: “A alta dos preços me fez abandonar a compra de alguns produtos e serviços. Hoje meu gasto é apenas o essencial, tive de abrir mão do supérfluo”, relatou Sara.

Mais informações no site do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada

Foto de capa: Piqsels.com

Gabriel Figueiredo (3º Período), com revisão de Leonardo Minardi (7º período)

LEIA TAMBÉM: Corte de verbas no Orçamento de 2021 provoca mudança no Censo Demográfico

LEIA TAMBÉM: Após aumento da carne, mercado de ossos cresce em Engenho da Rainha 

1 comentário em “Cesta básica é um dos itens mais afetados por inflação em Fevereiro

  1. 👏👏

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s