Economia

Fevereiro supera previsões iniciais e registra crescimento em importantes setores

Mês atingiu quase o dobro da expectativa prévia com grande aquecimento no setor de serviços.

Embora ainda sob os efeitos da pandemia, o Brasil parece fomentar cada vez mais seus setores econômicos, pelo menos é o indicativo do Índice de Atividade Econômica do Banco Central, importante marcador, que se propõe a calcular mensalmente as atividades econômicas do país. O IBC registrou um aumento de 1.70% na comparação entre janeiro e fevereiro, conferindo ao segundo mês do ano um aumento acima da média de 0.9%, previsto em pesquisa realizada pela Bloomberg.

Ainda que fevereiro de 2021 tenha passado por um momento sanitário extremamente delicado: o segundo pior mês em número de mortos por Covid-19, com uma marca de 30.484, houve grande aumento de demandas principalmente no setor de serviços, tendo um considerável acréscimo de 2.8% em relação a fevereiro do ano anterior. Outro dado relevante é que as vendas de varejo também melhoraram seus números, após seguidas retrações.

O Professor Universitário de Gestão, Durval Correa Meirelles, comentou sobre o impacto desses números no panorama geral: “Em termos sociais qualquer crescimento do PIB é importante”, pontuou. Porém sem o devido controle do atual cenário de saúde, principalmente em um contexto de elevado desemprego, dificulta uma projeção mais otimista a curto prazo, conforme exposto pelo professor.

“Eu acredito que recuperemos o PIB pré pandêmico somente em 2022. E a partir daí, com a maior parte da população vacinada, poderemos vislumbrar cenários melhores, pois contamos nesse momento com uma taxa de desemprego de 20% e com o fechamento de diversas microempresas. Fatores esses que contribuem para o inadimplemento familiar”, conjectura Durval.

Apesar da evolução em importantes setores, o segundo mês do ano trouxe quedas na produção industrial após 9 meses seguidos de alta. Esse resultado muito se deve à queda na produção de automóveis e das indústrias extrativas, sinalizando um decréscimo de 7.2% e 4.7%, respectivamente.

Tenha acesso aos dados brutos da pesquisa do IBGE aqui.

Leia também: Urgência de projeto é aprovada pela Câmara para que se evite a descontinuação de aulas presenciais

Leia também: Covid-19: OMS faz alerta e especialistas comentam atual momento da pandemia

Gabriel Figueiredo – 1º Período

1 comentário em “Fevereiro supera previsões iniciais e registra crescimento em importantes setores

  1. Ana Figueiredo

    Muito boa matéria!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s