Educação

Estudantes aproveitam o isolamento social e investem em cursos online

Várias plataformas disponibilizaram cursos virtuais gratuitos durante período da pandemia

Com a pandemia, a demanda por cursos online cresceu muito. Como uma forma de preencher o tempo das pessoas que estão ficando em casa, diversas plataformas disponibilizaram cursos gratuitamente ou reduziram significativamente os custos. Além de ser uma forma empática das empresas se posicionarem acerca da quarentena, também aumenta o número de alcance e torna as plataformas mais conhecidas. 

Antes, com rotinas turbulentas e desgastantes, era mais difícil organizar o tempo para ainda realizar cursos. Porém, com o isolamento social, no qual todos cidadãos que podem ficam o dia inteiro em suas casas, tornou-se mais fácil organizar a rotina e encaixar os cursos que sempre quiseram fazer, mas faltava disponibilidade. 

Acredita-se que após essa temporada de adaptação ao virtual, pode haver uma mudança no formato de ensino. Após muitos alunos e professores terem que se adaptar ao novo modelo de aprendizagem à distância, aumentaram as chances de mais métodos como esse serem implementados nas Universidades e até mesmo nas escolas.

O retorno às atividades trará desafios. Segundo o economista George Vidor, o poder econômico nesse momento de crise vai diminuir muito, portanto haverá uma queda no número de alunos cursando aulas presenciais, que são mais caras. “A quarentena despertou interesse e motivação para realização de diversos cursos rápidos. A oferta de cursos à distância pode aumentar, mas creio que as pessoas sentirão saudades das aulas presenciais”, comenta.

O economista George Vidor acredita que a procura por cursos online vai aumentar mesmo após a quarentena. (Foto: reprodução/arquivo pessoal)

LEIA MAIS:  Coronavírus: psicóloga dá dicas de como lidar com home office e solidão na quarentena

O isolamento afetou muitos alunos. Alexandre Denys (24), cursa Engenharia Mecânica, mas teve seus estudos presenciais paralisados por causa da quarentena. Ele conta já ter completado seis cursos durante o período de quarentena, através de plataformas como Udemy, Leiaut, Sigma Treinamentos e FGV, além de já ter adquirido mais de vinte cursos que estão na lista de espera. Sua rotina é extremamente organizada, com apenas alguns dias de exceção. Assim, ele consegue reservar no mínimo duas horas diárias para realizar os cursos.

De acordo com ele, antes demorava de seis meses a um ano para terminar apenas um curso.  “Acredito que ocupar o tempo e a cabeça é a melhor maneira de passar a quarentena. É uma forma de aproveitar o tempo, não pensar muito nas desgraças, não perder o foco e manter a fé de que logo tudo isso vai passar e poderemos colocar em prática no mercado de trabalho tudo que aprendemos durante esse período”, conta. 

Alexandre não está sozinho. Samara também acredita que essa é a melhor forma de ocupação durante a quarentena. Estudante, a maior dificuldade era aprender sozinha, pois acredita que o aprendizado acontece melhor em grupo. Com um pouco de criatividade, ela encontrou uma alternativa: convidar alguns amigos e fazer as aulas juntos através de vídeo chamada.

“Logo no começo da quarentena, como eu fui demitida dos meus dois empregos, fiquei um tempo parada, sem motivação. Mas aí percebi que precisava ocupar minha mente”, comenta.

O importante é saber equilibrar produtividade e lazer durante esse período caótico e maçante. Nem sempre estar online significa estar disponível. Portanto, estipular horários para que não fique sobrecarregado é essencial em uma rotina saudável. 

LEIA MAIS: Coronavírus: especialistas falam sobre a importância de continuar exercícios em casa

Marina Figorelli – 7º Período

0 comentário em “Estudantes aproveitam o isolamento social e investem em cursos online

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s