Desemprego obriga jovens a se profissionalizarem mais cedo

Uma crise instalada no país traz consequências para toda a população. Empregos em baixa, oportunidades escassas, e empresas cada vez mais exigentes têm dificuldades para encontrar os profissionais que querem, porque não há qualificação adequada. A chance de entrar no mercado de trabalho tem sido cada vez mais árdua e estressante para aqueles que buscam condições melhores para viver.

O desemprego no país foi de 13,1%, em média, no primeiro trimestre de 2018, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). É a maior taxa de desemprego trimestral do país desde maio do ano passado (13,3%). Em números, são 13,7 milhões de pessoas desempregadas no país. Esses dados ajudam a demonstrar a dificuldade que vem sendo enfrentada pelas famílias brasileiras.

Com isso, muitos jovens e adolescentes buscam trabalhar mais cedo para ajudar em casa. A pressão do desemprego dos mais velhos faz com os jovens tentem um trabalho o quanto antes. O programa Jovem Aprendiz, uma parceria entre governo e empresas, ajuda no primeiro contato com o mercado de trabalho. Empresas de grande a pequeno porte dão oportunidades a quem ainda não tem experiência profissional.

Mais de 200 mil aprendizes foram contratados até dezembro do ano passado. Os dados desse primeiro semestre ainda não estão atualizados, mas estima-se que o percentual deva crescer. Esse programa é uma grande ajuda a quem quer progredir e ajudar a família ganhando conhecimento e experiência, hoje  fundamental para se conseguir bons empregos.

Mesmo com a situação do desemprego no país estando grande, os jovens estão vendo as oportunidades sendo abertas e se expandindo. A expectativa com esse aumento é de que as empresas se sensibilizem com a chance de continuar produzindo novas oportunidades para os jovens, e que não encarem como dever legal, mas como uma forma de ajudar no caráter social.

Com os jovens iniciando a carreira profissional mais cedo, eles têm a oportunidade de aprender sobre novas funções e ter um primeiro contato com esse novo ambiente. Como diz a aprendiz Leandra Bastos, de 17 anos. “Profissionalmente, me ajuda a compreender mais como funciona esse ambiente da empresa, tenho aprendido bastante, principalmente no setor que estou no departamento pessoal. Isso está me ajudando a ter um conhecimento maior sobre como funciona na prática.”

 A jovem aprendiz Leandra afirma ainda que um dos principais objetivos de entrar para o programa de aprendizagem é obter a independência financeira. “A bolsa  é ótima. E eu posso ter a minha própria independência financeira, mesmo que não completamente. Estou adorando. Acho que está sendo bem legal para mim essa experiência. ”

A empresa está na função de ajudar e auxiliar os jovens neste nosso universo em que entram, muitos na sua primeira vez em um ambiente profissional. A gerente de pessoal Maria Cristina Verri, da empresa BCF Administradora de Bens, explica como funciona o processo de contratação dos jovens e a relação deles com a empresa. “Aqui na empresa, nós iniciamos a contratação de jovens aprendizes a partir da exigência de uma fiscalização do Ministério do Trabalho. Até então, todos os jovens ou estudantes que tínhamos no quadro de pessoal eram contratados como estagiários. Nosso pensamento é que este projeto é uma grande oportunidade para o jovem que está buscando sua primeira oportunidade de emprego. Cabe ao aprendiz pegar essa oportunidade com todo interesse e empenho e buscar se qualificar para o futuro.”

Quem engrossa essa estatística é a jovem aprendiz Tayná Costa, 21 anos. Ela estava almejando novas chances de entrar no mercado de trabalho e encontrou em uma instituição especializada uma oportunidade. A principal dificuldade que encontrava era ser rejeitada por falta de experiência. “No programa de aprendizagem você não precisa de experiência e é uma oportunidade dos jovens encararem o mercado de trabalho e terem um primeiro contato.”


Nathalia Gonçalves e Dayane Rodrigues – 6º período

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s