Razão para cantar

IMG_1887.

Cantor Ricardo Castro se preparando para o show. [foto: Luana Uchoa/ Agência UVA].

“A grande lição da vida, baby, é ter medo de ninguém, nem de nada”. Seguindo a fala de Frank Sinatra, o cantor Ricardo Castro mostra que tudo depende das nossas escolhas e sonhos. Viajando pelas estradas da vida, o cantor, de 50 anos, se apresentou no Shopping dos Sabores, em Botafogo, na última sexta, dia 10. Com um show que caminhava entre os clássicos antigos, tanto estrangeiros como nacionais, o intérprete animou o público e despertou curiosidades a respeito das suas motivações.

Formado em Direito, Ricardo afirma que, para sair do comodismo, tenta fazer coisas novas. Desde a produção de pão à vontade de seguir a hotelaria, o cantor explora meios que acha interessante, apesar de sempre ter tido experiências com a música. Quando criança, aprendeu piano clássico, o que foi útil na banda formada por amigos. Mesmo abandonando a aula tradicional do instrumento, Ricardo mostrava potencial nas audições, tornando-se, mais tarde, parte do conjunto musical do primo.

Passados alguns anos, recebeu alemães em casa e, ao cantarem “Vá Pensiero” da Ópera “Nabuco”, de Giuseppe Verdi, que no passado foi tema da propaganda do Partido Liberal, eles perceberam que Ricardo tinha uma boa extensão vocal. Após isso, estudou um possível desenvolvimento na música, sendo reconhecido pelo discreto produtor musical Romílson Luís Pereira, um dos fundadores e responsáveis pelo grande sucesso da Rádio Cidade, 94 FM e Antena Um Light FM.

Sem esperar por oportunidades, resolveu aprender o estilo Lírico e, com o professor de canto Vinícius Kirchhof, foi aprimorando as habilidades vocais. Segundo Ricardo, as aulas são “a academia de ginástica da corda vocal”, e diz que a vida de cantor não é tão fácil quanto parece. Planejando cantar trechos de musicais fora do país, ele diz que não sabia o potencial de sua voz, e que “não sabia que podia extrair algo tão animal”.

Defensor da ideia de reconhecer até onde a voz pode ir, ele explica que todos têm uma razão na vida, mas que é necessário entender que ela nem sempre é justa. Os exercícios ajudam na base e aprimoramento, mas o conhecimento e dedicação devem partir da vontade e da sorte, ou seja, das oportunidades que podem surgir para tal conquista.

O cantor também diz que as pessoas precisam ver o momento. Elas querem saber o que está acontecendo e o motivo. Pensando nisso, ele posta vídeos de ensaios em seu canal do Youtube (“Ricardo Castro”) para mostrar a forma crua que um projeto de um artista possui antes de ser apresentada a finalização. Apesar de não ter pensado na possibilidade de fazer música, o cantor planeja gravar um disco.

Com um repertório que passa por tradicionais cantores e compositores, tais como Nelson Gonçalves, Cauby Peixoto, Dolores Duran, Lupicínio Rodrigues, dentre outros, o de Ricardo timbre modela a noite e movimenta os braços de quem gosta das antigas. O músico afirma, também, que apesar dos elogios espontâneos e motivacionais, nem todos sabem se expor, defendendo a ideia de que o importante não é saltar de marketing em marketing, mas, sim, de mostrar uma identidade por meio da voz e personalidade.

Ricardo Castro se apresenta às sextas-feiras no Prost Bier (rua Gen. Polidoro), em Botafogo, e, possivelmente, visto que é um local concorrido entre cantores e grupos musicais, tocará no Sabor da Morena Bar & Restaurante (rua São Miguel), também em Botafogo. Horários a confirmar.


Luana Ucha– 3º Período

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s