Comunicação social em foco

No último dia de palestras (20) realizadas no “+Mercado”, a área dos comunicólogos foi o centro das atenções. No que diz respeito ao Jornalismo, Igor Peixoto, editor chefe do jornal Band Rio,  ministrou uma palestra sobre as “Dificuldades Enfrentadas pelos Jornalistas com o Advindo das Novas Tecnologias”. Já para o campo dos publicitários, seguindo o tema “Frentes de atuação em uma agência de publicidade”, foi convidado o time da ‘Agência Macan’ – veio representada por Rafael Rodruigues, Gabriel Gil e Romana Oliveira – trazendo a perspectiva real das profissões.

Igor Peixoto começou a palestra falando sobre a necessidade do comunicólogo se reinventar, já que trabalha lado a lado com as tecnologias que, também, estão em mudança constante. “O jornalismo de hoje anda junto com a velocidade. Agora, se você entrar no seu smartphone, você vai saber tudo que está acontecendo nesse momento, vai ter todas as informações. Nós temos que ter um dinamismo para fazer tudo muito rápido. Isso é essencial na nossa profissão”, completa o especialista.

_MG_5105.JPG

Para manter o jornal sempre atualizado e não ser passado pra trás pela inovação tecnológica, é necessário implantar ferramentas de atualização rápida e contínua, incorporadas com sua linguagem específica. A Band utiliza o site de notícias, com todas as notas e vídeos publicados, o whatsapp da redação, e o twitter, atualizado com vídeos teasers de chamadas para as notícias que serão dadas no jornal. “Quanto mais ferramentas você tiver, mais braços você tem que ter pra receber todo esse material, analisar e avaliar ele. Toda ferramenta que você cria é preciso um pouco de cuidado, porque o fluxo gerado é muito grande e se você colocar só duas pessoas para administrar aquilo, uma notícia mandada ontem pode ser avaliada só no dia seguinte e aí já não é mais relevante”, diz Igor.

Explicando sobre a necessidade de se estar no “olho do furacão”, ou seja, estar sempre no centro da notícia, Igor comenta sobre a perda do repórter cinematográfico Santiago Andrade. O importante no caso relacionado ao tema foi o quanto vídeos da internet foram importantes na identificação dos culpados, sempre acompanhado de uma apuração que só um jornalista formado sabe fazer. Levando em conta a época em que vivemos, é preciso usar os recursos a seu favor, explorando o potencial total deles para o benefício de todos.

_MG_5141.JPG

Para concluir, o editor-chefe falou sobre sua visão de futuro do mercado, afirmando que a palavra de ordem é nicho, ou seja, a porção específica de um grupo com necessidades e hábitos específicos. “O que eu entendo para o futuro é que haverá várias empresas de comunicação, cada uma focada em um nicho diferente. Você não vai ver mais uma Rede Globo, ou Rede Bandeirantes, vai ser um grupo com várias empresas pequenas com no máximo dez funcionários falando de um tema específico.”, finaliza Igor Peixoto.

Logo após a palestra do editor da Band, os publicitários da Macan se dividiram em tres frentes para discutir temas com a platéia. Foram eles: os papéis do Planejamento, da Mídia e da Criação em uma agência. Cada uma faz-se essencial em uma empresa, construindo a imagem e entregando um trabalho competente, que ultrapasse as expectativas e dentro do prazo estipulado.

_MG_5143.JPG

Rafael Rodrigues falou sobre sua especialidade: o planejamento. Para ele, a palavra da vez é versatilidade. O mercado procura o público jovem, pois este já domina o campo digital muito bem e aprende a conhecer e funcionar também no campo offline, trabalhando com anúncios de revistas, outdoors e banners. “Eu vejo os jovens e eu noto que vocês nunca fazem uma coisa só ou um investimento ou sonho de carreira único. É uma galera muito plural, então vocês tem muito a acrescentar e mostrar em uma agência”, completa o publicitário.

Mídia é o campo dominado por Romana Oliveira. Para este trabalho é necessário muita pesquisa sobre os diferentes aspectos visuais da empresa, com entrevistas dos usuários daquele serviço em questão para se criar um laço entre o empreendimento e o cliente. “O papel do profissional de mídia é conectar. De um lado está o mundo da marca, querendo transmitir um monte de coisas, e do outro está o consumidor que tem que perceber tudo isso, mas não está ligado no que eles estão falando. O modo de fazer isto acontecer é pelos meios de comunicação, o consumidor não está centralizado nas mídias clássicas (revista, televisão, outdoor) e é preciso impactá-los nestas outras formas de mídia”, disse a especialista.

_MG_5201.JPG

Por último, Gabriel Gil falou sobre o departamento de criação, explicando o funcionamento dentro da agência. Desde a apresentação do briefing, até o momento em que ele é recebido com satisfação pelo cliente. Respondendo a pergunta de um aluno sobre o que fazer quando a ideia simplesmente não vem, Gabriel disse que o processo criativo depende de cada um, mas como regra geral é só uma questão de pensar mais. “Pra alguns é preciso sentar e refletir, pesquisar a campanha de outras empresas. Trazendo mais referências isso me ajuda a fazer associações que vão levar uma mensagem mais importante pro consumidor”, finaliza o profissional.

Cases de sucesso foram apresentados, como a propaganda do Exército da Salvação, em que, na medida que o termômetro mostrava uma temperatura mais baixa, uma modelo se agachava, cada vez mais e mais, e revelava uma mensagem pedindo doação de agasalhos. Teve também um mais recente, da da L’Oréal Paris, sobre o Dia Internacional da Mulher, em que uma atriz transgênera comemorava esse dia pela primeira vez, oficialmente. Assim, os palestrantes apresentaram de forma leve e descontraída o funcionamento real de uma Agência, incentivando os futuros publicitários a batalharem por um espaço no mercado.


Luana Feliciano – 3° Período

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s