Internacional

Remanescentes do Furacão Ida causam inundações em Nova York e autoridades decretam estado de emergência

Fortes chuvas torrenciais atingiram o estado de Nova York na última noite e causaram inúmeros registros de alagamento. Ainda há alerta de tornados na região.

Desde domingo (29), o furação Ida vem deixando rastros de devastação pelos Estados Unidos. Ele atingiu os estados de Louisiana e Mississippi, localizados na região sudeste do país, e em decorrência de ventos com mais de 270 km/h e das chuvas extremas, acabou deixando ao menos quatro pessoas mortas e dezenas de feridos, além de mais de meio milhão de moradores sem energia elétrica.

Ida foi classificado como um furacão de categoria 4, porém perdeu força na noite de segunda-feira (30) e passou a ser avaliado como uma tempestade tropical.

Contudo, o que sobrou de Ida se juntou a uma corrente de ar vinda dos Grandes Lagos (o maior grupo de lagos de água doce do mundo) e na noite da última quarta-feira (01) trouxe um temporal sem precedentes para a cidade de Nova York e região, a área mais densamente povoada do país.

A estação meteorológica do Central Park, que possui dados desde 1869, registrou o maior volume de chuva em 1 hora de toda a sua história com 3.15 polegadas, o equivalente a 80 litros de água caindo por metro quadrado.

A tempestade persistiu por horas e diversos pontos da cidade ficaram inundados, inclusive as estações de metrô, que tiveram que suspender todas as suas linhas.

Também foram registradas inundações no Aeroporto Newark Liberty, de Nova Jersey. Diversos vôos tiveram que ser suspensos.

Além disso, o alagamento começou a tomar conta de algumas casas.

“Estamos enfrentando um evento climático histórico esta noite com chuvas recordes em toda a cidade, enchentes brutais e condições perigosas em nossas estradas.” afirmou Bill de Blasio, prefeito de Nova York, através de uma publicação no Twitter, logo após decretar estado de emergência em toda a cidade.

Ele ainda solicitou que todos permanecessem em casa, fora das ruas, do metrô e das estradas, e que deixassem os primeiros socorros e serviços de emergência realizarem todo o trabalho.

A governadora de Nova York, Kathy Hochul, e o o governador de Nova Jersey, Phil Murphy, também declararam estado de contingência.

LEIA TAMBÉM: Centésimo dia de Joe Biden governando nos Estados Unidos

LEIA TAMBÉM: Enchentes fazem parte da história do Rio de Janeiro

Lucas Pires – 8º período

0 comentário em “Remanescentes do Furacão Ida causam inundações em Nova York e autoridades decretam estado de emergência

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s