Cultura Geral

Associação de Blocos decide adiar carnaval de rua de 2021

Evento no Rio de Janeiro deve ficar sem desfiles e blocos de rua após decisão unânime

Por conta da pandemia, a Associação de Blocos decidiu que vai seguir a decisão da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) e, com isso, adiar o carnaval de rua do ano que vem. Essa decisão foi tomada durante a reunião entre a Liesa e as escolas de samba, na noite da última quinta feira (24).

Cordão da Bola Preta faz seu 102º pelas ruas do centro do Rio de Janeiro.
(Foto: Tomaz Silva/ Agência Brasil)

Entenda o caso: Em uma reunião na sede da Liesa na noite da última quinta feira (24), no centro do Rio, os presidentes das escolas do Grupo Especial decidiram que não vai haver desfiles em fevereiro em 2021. Essa decisão foi tomada levando em conta o cenário da pandemia e a falta de uma informação concreta sobre a vacina.

O Rio de Janeiro é conhecido por ter um povo bastante festivo e tem o Carnaval como uma de suas principais atrações, tanto para moradores quanto para os milhares de turistas que visitam a cidade para participar dessa festa. O Carnaval não só no Rio, mas em todo Brasil, é celebrado por 5 dias consecutivos, terminando oficialmente na quarta-feira de Cinzas.

No próximo ano, porém, é provável que cariocas e turistas fiquem sem o também chamado maior “espetáculo da Terra”. Isso pode acontecer por conta da atual situação enfrentada mundo afora: a pandemia causada pelo coronavírus e a incerteza quanto à liberação de uma vacina com eficácia comprovada.

Para o publicitário Rafael de Castro, de 24 anos, o Carnaval do ano que vem vai fazer muita falta, mas entende a decisão tomada pela Liesa. “É uma pena, pois eu gosto muito desse festival, mas eu entendo a decisão, acho que é uma decisão bastante assertiva querendo proteger toda a população carnavalesca e todos os foliões”, comenta.

Para os amantes do Carnaval e frequentadores de blocos, tal resolução foi correta diante do contexto de pandemia. É o que conta Mariana Teixeira, de 23 anos, estudante de Farmácia. “Acredito que adiar o carnaval de rua foi a decisão correta, tendo em vista que até o feriado a vacina da Covid-19 pode não ter estar disponível ainda, e caso esteja não há tempo de imunizar toda a população”, opina.

O presidente da Liesa, Jorge Castanheira, afirmou em uma nota o que levou a decidir sobre o adiamento do Carnaval. “Em função de toda essa insegurança concluímos que esse processo tem que ser adiado. Estamos em permanente reunião. Não decidimos por cancelamento, mas nesse momento para fevereiro o desfile das escolas de samba não tem como acontecer. De julho pra cá muita coisa mudou. Seguimos aguardando a questão da vacina. Recebemos notícias diferentes que não nos dão condições de segurança nesse momento. O modelo tradicional de desfile demanda um tempo muito maior. Nossa luta é para não cancelar.”

Ainda não há data para o desfile, as escolas só definiram que eles não acontecerão em fevereiro. A decisão foi unânime.

Mateus Almeida Marinho – 8º período

0 comentário em “Associação de Blocos decide adiar carnaval de rua de 2021

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s