Geral

Morador do Borel lança plataforma de comunicação para monitorar casos suspeitos de coronavírus

Coronazap usa o WhatsApp para comunicação de casos suspeitos do Covid-19 na comunidade

Com mais de 20.000 casos confirmados no Rio de Janeiro, a região da Tijuca, é hoje, um dos bairros mais afetados pelo Covid- 19. Mas, apesar disso, não foram encontrados dados de favelas, como o morro do Borel, localizado na região.

Diante do cenário de subnotificação, Igor Soares, jornalista e morador da comunidade, juntamente com a equipe do “Laboratório de Estudos do Borel” resolveu criar o Coronazap, um canal de comunicação para fazer o levantamento de casos suspeitos na comunidade e orientar os moradores a procurarem atendimento médico, se necessário. 

Para o idealizador do projeto, Igor Soares, iniciativa pode ajudar no combate ao Covid-19 no Borel. Foto: arquivo pessoal

Tendo conhecimento de alguns casos confirmados, o jornalista começou a perceber que os números não estavam sendo divulgados e explica que a ideia do projeto surgiu a partir dessa realidade. O intuito da plataforma é monitorar os casos suspeitos no Borel e também tornar os dados públicos. Além disso, ele explica que este canal de comunicação é uma forma de reivindicar políticas públicas dentro das comunidades e mostrar a necessidade de testes para os moradores.

“Dentre todos os lugares, a favela é um local que não pode existir subnotificação”, diz, referindo-se à densidade populacional do espaço. 

Esta imagem possuí um atributo alt vazio; O nome do arquivo é coronazap.jpg
Reprodução Redes Sociais

O monitoramento é feito a partir do aplicativo Whatsapp, no número 21 98685-2496. O morador envia uma mensagem informando quais os sintomas que vem apresentando, se possui doenças pré-existentes e, a partir daí, recebe orientações de uma equipe formada por voluntários da área da saúde que, seguindo as diretrizes do Ministério da Saúde, indicam se há  necessidade de procurar ajuda médica ou não. Os primeiros dados coletados serão divulgados pelo alto- falante da própria comunidade. 

LEIA TAMBÉM: Coletivos promovem ações contra o Covid-19 em favelas do Rio

Nathalia Caroline e Clarissa Lomba, 6º período

2 comentários em “Morador do Borel lança plataforma de comunicação para monitorar casos suspeitos de coronavírus

  1. Pingback: Games: The Last of Us II chega nesta sexta-feita | Agência UVA

  2. Pingback: Isolamento social: veja como retomada das atividades pode aumentar a propagação do Covid-19 | Agência UVA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s