Novas peças do Museu Nacional são encontradas em escombros

Itens da coleção do Egito são datados desde 800 até 1500 antes de Cristo; pesquisadores e arqueólogos estão envolvidos nas buscas

Pesquisadores seguem trabalhando para recuperar artefatos do Museu Nacional que se perderam após o incêndio de grandes proporções, ocorrido em setembro do ano passado. Vinte e sete peças do acervo egípcio foram encontradas nesta terça-feira (7), algumas delas estando junto ao sarcófago de Sha-amun-em-su, sacerdotisa egípcia que viveu na cidade de Tebas no século VIII antes de Cristo.

Os pesquisadores também encontraram estatuetas, algumas do Egito, feitas em calcário por volta de 1450 a 1500 a.C. Ao todo, mais de 2.700 peças do acervo foram recuperadas após o incêndio, sendo 200 da coleção egípcia. A maior parte destas estava localizada no primeiro andar do prédio.

tmazs_abr_07051915181rj

‘Estelas’ esculpidas em rocha ou madeira, retratavam textos ou cenas do período. Fonte: Tomaz Silva/Agência Brasil

Segundo a professora Dennise Ramos, a recuperação destes itens, apesar dos danos e as inúmeras perdas irreparáveis, representam uma “segunda chance” para que as pessoas entendam o real valor histórico, não só deste acervo, como de todos os museus.

“Eu costumo dizer que um Museu é um lugar que conta histórias. Da mesma forma que você tem registros da história em livros e fotos e filmes, você também tem uma parte dela contada pelos museus. E se você não valoriza, negligencia esses espaços; olha como tem vários museus fechando as portas, museus caindo aos pedaços, é a história sendo apagada”, apontou Denise.

LEIA MAIS: Museu Nacional perde 90% de seu acervo

Peças recuperadas

Shabits – estatuetas com tamanho entre 10 e 60 centímetros, eram colocadas em tumbas para fins religiosas;

‘Dama do cone’ – estatueta de calcário, retrata uma mulher da elite trajando um vestido de linho. Um cone de incenso que ficava em sua cabeça foi destruído pelo incêndio;

Estelas – são placas de pedra ou madeira com inscrições e imagens. Eram colocadas ao lado das tumbas;

Votivas – estatuetas que representam divindades egípcias. Algumas destas foram encontradas intactas.

LEIA MAIS: Museu Nacional: é possível sim reconstruir

tmazs_abr_07051915186rj

Algumas da ‘shabits’ que foram resgatadas; em formato mumiforme, estas eram esculpidas em calcário. Fonte: Tomaz Silva/Agência Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s