Especialistas debatem o papel do estado e mídia na manutenção ambiental

Em debate realizado na Universidade Veiga de Almeida, na ultima sexta feira (10), teve como tema a sustentabilidade e políticas públicas. Dentre os convidados, destacou-se a presença do deputado estadual (PSB) Carlos Minc e do fundador do movimento, Agostinho Ferreira.  O assunto debatido abordou não só o investimento em tecnologia limpa e a opção pelo transporte não poluente, uso de VLT´s, como também a preservação da fauna no país.

O deputado Minc também abordou o quanto a atual crise econômica brasileira acaba implicando em cortes nos orçamentos de projetos sustentáveis. Segundo o deputado, a diminuição no investimento desses tipos de projeto acarreta em um atraso no avanço tecnológico da busca por novas alternativas de energia limpa.

IMG_4699

Deputado Carlos Minc durante a palestra. Foto: Francisco Valdemir dos Santos/ Agência Uva

Por fim, Minc apontou que a inicialização das crianças no quesito conhecer a fauna nacional é muito importante para que elas desenvolvam um sentimento de cuidado para com ela. ” A gente ia para as escolas públicas e privadas e tentava envolver os professores, até porque educação ambiental não é decoreba em quadro negro. Fizemos um programa, junto a UERJ, para qualificarmos seis mil professores das escolas estaduais para que eles possam dar um ensino ambiental de qualidade para as crianças”.

Agostinho Ferreira, em contrapartida, usou a palestra para realçar a importância que o “Projeto Colabora” tem na conscientização das alternativas para a proteção do meio ambiente. ” O projeto é uma plataforma jornalistica que já existe a dois anos e meio e foi criado por mim e outros amigos para que tivéssemos um meio de informar o leitor, de maneira descontraída e divertida mas que também causasse algum impacto positivo ao abordar os temas de água, clima, saúde, educação e outros”.

Agostinho aborda também que o caráter privado do projeto de maneira alguma influencia na imparcialidade do mesmo e que o apoio do leitor por meio de doações é muito importante para a continuidade dessa ideia. ” Temos várias maneiras de contar com o apoio dos leitores e empresas, seja por meio de crowndfunding ou patrocínio. Nosso relacionamento com políticos e empresas se limita apenas ao sentido jornalístico do conceito, aonde eles são fontes (primárias ou não) que garantem material para nosso trabalho”.


Francisco Valdemir dos Santos e Gustavo Barreto 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s