Crítica: Tomb Raider

MV5BOTY4NDcyZGQtYmVlNy00ODgwLTljYTMtYzQ2OTE3NDhjODMwXkEyXkFqcGdeQXVyNzYzODM3Mzg@._V1_SY1000_CR0,0,674,1000_AL_Determinação e foco. Estas são as palavras que poderiam definir a personalidade da nova Lara Croft. A personagem que já foi interpretada por Angelina Jolie ganha vida agora com a atuação da sueca Alicia Vikander no filme “Tomb Raider – A Origem”. Inspirado na versão de 2013 do game, o longa procura humanizar a personagem que, nessa fase, se mostra independente. Isso porque, apesar de herdar a fortuna do pai, ela prefere viver da arqueologia. Os maiores conflitos começam quando a garota encontra um quebra-cabeça que revela pistas sobre o desaparecimento do seu pai, Richard Croft, (Dominic West).

Com a ajuda de Lu Ren (Daniel Wu), a lutadora de MMA chega a uma misteriosa ilha no Japão e precisa enfrentar diversos desafios. O principal deles é derrotar o psicopata Mathias Vogel (Walron Coggins) para salvar o mundo de sérios problemas e reencontrar Richard após sete anos. Tudo isso exige muita força e resistência emocional de Lara, obrigando-a inclusive a matar para sobreviver. O filme apresenta cenas de ação cheias de efeitos especiais e de recursos virtuais, além de flashbacks, quando Lara relembra parte da sua história.

Tantos conflitos contrariam a aparente fragilidade da personagem e fazem também com que os coadjuvantes fiquem ofuscados pela protagonista. De certa forma, o filme dirigido por Roar Uthaug, apesar de não apresentar uma história empolgante, desperta o imaginário do público.

 


Bianca Barbosa – 6º período

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s