Entrelaçando corações e tecendo a Paz

os-alunos-debora-fernandes%2c-bruna-rua%2c-ewerthon-araujo%2c-rodrigo-andrade-e-dorval-de-lima

Alunos (esq.) Débora Fernandes, Bruna Rua, Ewerthon Araújo, Rodrigo Andrade e Dorval de Lima em estande. [foto: Laís De Martin/ Agência UVA].

A segunda edição do evento Paz em Foco foi realizada na última sexta (18), no Campus Tijuca da Universidade Veiga de almeida. Promovido pela professora Luciene Aragon em parceria com a UVA e alunos dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda, o evento teve como objetivo provocar a reflexão sobre a importância das atitudes individuais e das práticas coletivas para a promoção da paz em diferentes níveis. Foram realizadas dinâmicas interativas e lúdicas no bosque da faculdade.

Uma dessas atividades foi realizada pelos alunos da matéria de Comunicação e Mundo Contemporâneo, que consistia em um quiz de três questões, relacionadas a direitos humanos e ações que promoveram a paz pelo planeta. Ao acertar uma resposta, o participante recebia como prêmio uma rosa branca; com duas, ganhava um saquinho de balas; e ao gabaritar o quis, um bombom. A aluna Nathalia Azevedo avaliou a importância do teste. “Acho relevante o fato de darmos uma função prática ao conteúdo teórico aprendido em sala. Nós pesquisamos e confeccionamos de maneira autoral cada questão. Além de ser um crescimento pessoal, a interação e troca de conhecimentos com os indivíduos que visitam o nosso estande é também um crescimento profissional e social, na medida em que conhecemos um conteúdo relevante para o planeta e as pessoas”.

Na sequência, às 11h, foi realizada na sala C307 a palestra “Kabbalah, o poder de mudar tudo”. A convite da professora Daniela Oliveira, foi recebido para esclarecimentos em torno do tema o professor Shimon Ferreira, do Kabbalah Centre Brasil (instituição sem fins lucrativos, que tem como propósito tornar os ensinamentos da filosofia compreensíveis e relevantes no cotidiano). Em hebraico, Kabbalah significa “receber”, “manter”, “fazer crescer”. O objetivo está voltado para a imortalidade através da extinção permanente da dor e do sofrimento.

o-professor-shimon-ferreira-durante-a-palestra

Professor Shimon Ferreira durante a palestra. [foto: Laís De Martin/ Agência UVA].

Considerada uma sabedoria espiritual além de seu tempo, fornece maneiras práticas de evoluir, criar alegria e plenitude duradoura. Esclarece que cada indivíduo possui dentro de si o poder de criar a vida que quiser. A Kabbalah ensina a ativar esse poder e proporciona uma nova forma de enxergar o mundo. Oferece ainda, ensinamentos sobre os segredos do universo e da alma humana. Segundo o professor Shimon Ferreira, lidar com a sensação de falta e a necessidade de mudança são problemas recorrentes em nossa existência. “Existem forças espirituais que regem cada força de nossa vida. A Kabbalah nos ajuda a entender isso. São leis espirituais. Devemos pensar em como receber, aprender a manter e fazer crescer da melhor maneira possível”. Shimon comenta ainda que até pouco tempo a prática era pouco acessível. “Até a década de 1960, a Kabbalah era proibida para indivíduos comuns, mas isso mudou com os ensinamentos de Rav Berg e Karen Berg, que abriram a religião.”


Laís De Martin– 8º Período

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s