Esporte

De virada Manchester City vence o PSG e se aproxima da sua primeira final na história

Equipe inglesa venceu, fora de casa, por 2x1, com gols de De Bruyne e Mahrez; Marquinhos abriu o placar para o PSG

PSG x City brigam pela sua primeira final na história/ Foto: Manchester City

Em um duelo empolgante, o Manchester City venceu o PSG na última quarta-feira (28), em Paris, no jogo de ida das semifinais do maior campeonato de clubes da Europa. Após sair perdendo, a equipe inglesa virou para 2×1 no segundo tempo e construiu um bom placar para a partida de volta. 

#NEYDAY 

É um termo usado por brasileiros para brincar e também expressar apoio ao atacante do PSG, Neymar. Desde as primeiras horas do dia, que marcou o jogo de ida da seminal da Liga dos Campeões, a hashtag entrou mais uma vez entre os assuntos mais comentados do Twitter. Apesar da brincadeira ter começado aqui, cada vez mais vem ganhando adesão dos torcedores europeus que aparecem com diversas mensagens de incentivo.  

1º TEMPO MORNO 

No início da primeira etapa o brasileiro Neymar até mostrou que estava a fim do jogo e criou logo de cara uma boa chance. O time francês permaneceu pressionando, até que a pressão surtiu efeito e aos 14’ Di María bateu escanteio e a estrela do zagueiro da seleção brasileira Marquinhos brilhou novamente e ele desviou a bola para o fundo das redes. Após o gol, o City conseguiu equilibrar as ações ofensivas ao seu estilo de toque de bola, enquanto o time parisiense buscava os contra-ataques.  

Marquinhos abriu o placar para o PSG/ Foto: PSG

2º TEMPO DE DOMÍNIO  

Na etapa final o time inglês sem deixar de lado suas características de toque de bola, seguiu dominando jogo e aos 19’ após uma pane na defesa do PSG, o belga De Bruyne cruzou para a área, todo mundo ficou olhando e a bola acabou morrendo direto no gol de Navas, que acabou indo mal no lance. O time de Paris acabou sentindo o gol e o time de Manchester aproveitou e virou o placar sete minutos depois. Aos 26’ Mahrez cobrou falta que passou no meio da barreira e foi direto para as redes, foi a virada.   

Mahrez comemora após o gol do City/ Foto: Manchester City

Após a virada a equipe de Mauricio Pochettino acabou se perdendo e dificultando ainda mais a busca pelo empate após um carrinho violento do volante Gueyé, que levou vermelho direto e deixou os franceses com um a menos. E assim a partida terminou mesmo em 2×1 no Parque dos Príncipes.  

Morando há três anos e meio na Alemanha, a jornalista Nathália Araújo contou um pouco sobre como foi a repercussão da partida no país. 

A: Como é a visão da imprensa alemã em relação aos brasileiros do PSG? 

N: A imprensa alemã é bem neutra com os brasileiros do PSG. Ano passado, por exemplo, quando o Neymar disputou o prêmio de melhor do mundo com o Lewandowski, aqui não havia dúvida de que seria um escândalo se o Lewandowski não levasse. Enquanto no Brasil, Neymar era considerado um candidato fortíssimo. 

A: Existe um favoritismo entre PSG x City? É um assunto falado?  

N: Não muito. A imprensa esportiva alemã e o povo alemão são muito voltados para o mercado interno. É óbvio que há uma cobertura grande de jogos da Champions League, mas eu diria que é algo bem racional. É fácil encontrar um alemão muito mais interessado em um jogo da segunda divisão do que em um jogo da UCL, por exemplo. É muito parte da cultura. 

A: Como você avalia esse confronto? 

N: Eu acho que é um confronto muito simbólico pelo fato de serem dois clubes que entraram para o cenário do futebol europeu/mundial como gigante porque tiveram um investimento financeiro muito grande. São dois clubes de pouca tradição e que são bem criticados pela forma como tratam o futebol, mas mostra como esporte realmente está cada vez mais comercial e isso se aplica também para os clubes mais tradicionais como Bayern, Barcelona, Real Madrid. Sobre a partida em si, eu acho que ainda está em aberto. O PSG tem feito bons jogos fora de casa e o fato de não ter torcida no estádio acaba enfraquecendo esse fator casa. Mas de fato o City conquistou uma vantagem muito boa e se fosse para apostar em algum time, eu apostaria neles. 

FICHA TÉCNICA

Paris Saint-Germain 1 x 2 Manchester City

GOLS: Paris Saint-Germain: Marquinhos Manchester City: De Bruyne e Mahrez

PSG: Keylor Navas; Florenzi; Marquinhos, Kimpembe e Bakker; Paredes (Ander Herrera), Gueyé e Verratti; Di María (Danilo Pereira), Neymar e Mbappé

Técnico: Mauricio Pochettino

MANCHESTER CITY: Ederson; Walker, Stones, Rúben Dias e Cancelo (Zinchenko); Rodri, Gündogan e Bernardo Silva; Mahrez, Foden e De Bruyne

Técnico: Josep Guardiola

Para o jogo de volta, o Manchester City pode até avançar com derrota, desde que perca por 1 a 0. Para o PSG, vitória por dois gols de diferença garante a vaga.

Fernanda Monteiro – 8º período

0 comentário em “De virada Manchester City vence o PSG e se aproxima da sua primeira final na história

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s