Flamengo faz 2 a 0, vence o Emelec nos pênaltis e avança na Libertadores

Gabriel faz os dois gols no tempo normal e Diego Alves brilha nas penalidades para garantir o Rubro-Negro nas quartas de final

O Flamengo se classificou para as quartas de final da Conmebol Libertadores. Na noite de quarta-feira (31), quase 68 mil torcedores foram ao Maracanã acompanhar o jogo de volta do torneio continental, depois de uma derrota da equipe carioca por 2 a 0, no confronto de ida.

O Jogo

Na partida em Guayaquil (EQU), o rubro-negro havia perdido por 2 a 0. O time, então, entrou em campo pressionado e precisando vencer por três gols de diferença para se classificar, ou ao menos repetir o placar do jogo de ida, para levar a decisão para os pênaltis. O Flamengo fez o que se esperava e pressionou o adversário. Durante os primeiros 30 minutos da etapa inicial, o time jogou com intensidade total e praticamente não deixou o Emelec respirar.

Aos 9 minutos do primeiro tempo, Gabigol converteu uma cobrança de pênalti e abriu o placar para o Rubro-Negro. Aos 18 minutos, o artilheiro do Flamengo no ano, com 22 gols em 33 jogos, ampliou para o time carioca e igualou o confronto. Ainda na etapa inicial, o Rubro-negro criou outras oportunidades e poderia ter saído de campo para o intervalo com um placar maior.

5d4247a86f92f
Gabigol foi o destaque da partida marcando os dois gols do Flamengo no tempo normal Foto: Alexandre Vidal e Marcelo Cortes / Flamengo

No segundo tempo, o Flamengo sentiu bastante a parte física e não conseguiu repetir o bom desempenho do primeiro. Com as saídas de Gabigol, que foi substituído por causa de uma lesão muscular; e Gérson, que cansou no fim, o time carioca caiu de produção. O Emelec passou a se soltar um pouco mais, levando certo susto em alguns momentos, mas o resultado continuou igual até as penalidades.

Pênaltis

O Flamengo ficou com a vaga para a próxima fase, vencendo as penalidades por 4 a 2. E a tranquilidade que faltou na Copa do Brasil sobrou diante do Emelec. Arrascaeta, Bruno Henrique, Renê e Rafinha cobraram com a seriedade, a calma e a categoria que faltaram contra o Athletico- PR, há duas semanas, pelas quartas da Copa do Brasil. Pelo time equatoriano, Bryan Angulo e Cortez converteram, Dixon Arroyo parou no goleiro Diego Alves e Queiróz acertou o travessão.

5d42529d8b39a
Diego Alves pegou uma cobrança e viu o adversário desperdiçar outra, classificando o Flamengo para a próxima fase (Foto: Delmiro Junior/PHOTO PREMIUM)

Próxima Fase

O Flamengo não ia às quartas de final da Libertadores desde 2010. Na ocasião, o rubro-negro foi eliminado pela Universidad de Chile. Agora, enfrentará o Internacional, em um duelo de brasileiros nesta fase. Possivelmente, os jogos serão nas semanas dos dias 21 e 28 de agosto.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 2 (4) X (2) 0 EMELEC

Árbitro: Néstor Pitana (ARG)

Assistentes: Hernán Maidana e Julio Fernández (ambos da Argentina)

Árbitro de vídeo: Mauro Vigliano (ARG)

Cartões amarelos: Bruno Henrique, Cuéllar, Willian Arão (FLA); Arroyo, Mejía, Quintero e Cortez (EME)

Cartões vermelhos: Nenhum

Gols: Gabigol, aos 9 e 18 minutos do primeiro tempo (FLA)

FLAMENGO: Diego Alves; Rafinha, Thuler, Pablo Marí e Renê; Cuéllar, Willian Arão e Gérson (Berrío); e Éverton Ribeiro (Arrascaeta), Bruno Henrique e Gabigol (Reinier). Técnico: Jorge Jesus

EMELEC: Dreer; Caicedo, Jaime (Quintero), Mejía e Bagüí; Arroyo, Godoy (Cortez), Queiroz, Cabezas; Guerrero (Carabalí) e Angulo. Técnico: Ismael Rescalvo


Luhan Alves-6º Período 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s