Vídeos de ASMR prometem relaxar e melhorar a insônia

Em sociedades com ritmo intenso e estressante de vida, buscam-se cada vez mais alternativas para as pessoas terem momentos de relaxamento e alívio. Uma dessas técnicas surgiu nos Estados Unidos e é um fenômeno recente que tem arrebatado milhares de visualizações em canais do YouTube – ASMR.

A sigla corresponde a Autonomous Sensory Meridian Response, uma expressão em inglês que denomina as sensações que se obtém ao assistir os vídeos. Os espectadores relatam uma espécie de “cócega no cérebro”, um arrepio e formigamento que percorre todo o corpo, causado pelo estado de relaxamento profundo. Nem todas as pessoas são capazes de sentir, mas quem experimenta essa sensação garante que acalma.

asmr microfone

YouTubers utilizam sons como o de arranhar o microfone para causar sensação de arrepio nos espectadores, como nesse vídeo do canal Tena ASMR Foto: Reprodução / YouTube

“Os pensamentos ficam menos dispersos, parece que a cabeça fica focada e tranquila”, relata a veterinária Yngrid Mota, de 24 anos, que assiste aos vídeos quando está irritada ou agitada. Para atingir esse efeito, os ASMRtists utilizam sussurros, sons com a boca, toques e palavras suaves para acalmar quem assiste. Além disso, existem os roleplays, que consistem em simulações de situações relaxantes, como por exemplo, ser maquiado por alguém ou fazer limpeza de pele. Assista ao vídeo abaixo usando fones de ouvidos:

A YouTuber acima é Monique Colin, dona do canal Monique Always, que possui mais de 145 mil inscritos. Inicialmente criado como um vlog de saúde e beleza, o canal passou a receber conteúdo de ASMR após Monique se encantar com a técnica no canal gringo GentleWhispering, um dos mais famosos sobre o tema. Para criar seus vídeos, ela se inspira nas experiências pessoais e busca atender aos pedidos dos seus seguidores. “Sempre priorizo aquilo que meus inscritos mais me pedem e crio os vídeos a partir daquelas ideias! Para tudo que eu olho, qualquer objeto, qualquer superfície, absolutamente em tudo, eu vejo uma oportunidade para criar um vídeo novo de ASMR”.

MONIQUE ASMR

“Muita gente sempre falava que minha voz nos vídeos era bem calma e que por vezes dava soninho”, conta Monique Colin Foto: Reprodução / YouTube

Monique conta ainda que cada vídeo é planejado para ter o maior impacto possível. “O principal objetivo do ASMR é o relaxamento, acalmar e dar sono e quando isso é atingido, não existe sensação maior de gratidão! Por isso quando gravo, sempre analiso os tipos de sons que mais despertam esses gatilhos de relaxamento nas pessoas, pra que possa ser algo bastante efetivo em todos os sentidos”.

No entanto, existem canais diversos e com benefícios diferentes para cada pessoa. A universitária Ana Beatriz Santos, de 20 anos, acompanha o canal SAS-ASMR, que tem vídeos com diferentes alimentos (confira abaixo). “Por eu ter perda de apetite, tenho dificuldade em comer totalmente minhas refeições, os ASMRs de comida me ajudam, como enquanto assisto”, explica, “Me dá fome na mesma hora”.

Já para Gabriela Tomaz, de 22 anos, a técnica também diminui a ansiedade. “Foi a única coisa que surtiu efeito em mim, nem remédios para insônia ou aquelas músicas para meditações me deixavam diferente. O ASMR me dá efeito imediato, me arrepiando a cabeça, a nuca, me deixando com sono. Distrai muito bem minha mente, como se alguém estivesse fazendo um carinho minucioso em mim para me acalmar”, relata.

A popularidade e as semelhanças entre os efeitos já levaram a ciência a tentar explicar essa curiosa experiência. Ainda existem poucas pesquisas sobre o assunto, mas uma delas, realizada pelo Centro Nacional de Informações Biotecnológicas dos Estados Unidos apontou que de 475 usuários entrevistados, 82% usavam o método para dormir e 70% disseram que ajuda a aliviar o estresse.

Em entrevista ao The Guardian, o Dr. Nick Davis, responsável por um dos primeiros estudos sobre o tema diz que, apesar de muitas vezes ser chamado de “orgasmo mental”, o relaxamento causado não tem necessariamente uma conexão sexual. “O fato de que um grande número de pessoas têm isso ativado por sussurros sugere que a sensação está relacionada a ter intimidade com alguém de uma forma não-sexual. Pouquíssimas pessoas relataram uma motivação sexual para o ASMR, realmente é sobre se sentir relaxado ou vulnerável com outra pessoa”, explicou.


Maria Carolina Martuchelli – 6º período

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s