Comunicação

Internet: o novo veículo de vendas desta geração

Esqueça os tumultos das lojas, as filas intermináveis para o pagamento e as horas perdidas na procura pelo preço e produto ideal. O comércio de bens de consumo pela Internet já é realidade e ganha um nível considerável de adeptos a cada novo dia, movimentando e revolucionando o mercado varejista atual.

São 35 milhões de brasileiros conectados à rede e destes, mais de 7,5 milhões fazem compras on-line. O acesso à Internet e a banda larga contribuíram no crescimento desse canal de vendas permitindo conexões mais rápidas e compras mais ágeis.

Os números não mentem. O comércio eletrônico brasileiro, segundo pesquisas feitas pelo e-Bit (site que avalia o comércio eletrônico) faturou no primeiro semestre deste ano R$ 3,8 bilhões, tendo alta de 45% sobre o mesmo período no ano passado, colocando o Brasil na condição de país líder da América Latina em transações e-commerce.

Somado à facilidade de escolha dos produtos, o conforto na hora da entrega e a variedade de modelos movem os novos consumidores. “Já comprei de tudo, desde computador até barbeador elétrico. Faço coleção de camisas de futebol, então compro muito pela Internet. Além da comodidade, tenho facilidade para achar coisas que às vezes não acho em shoppings”, diz o publicitário e consumidor virtual Sérgio Rodrigues, 26 anos.

E a gama de produtos oferecidos pela rede não pára de crescer. Há um verdadeiro shopping virtual disponível em que podem ser encontrados produtos eletrônicos, livros, CDs, pacotes turísticos, artigos eróticos e até “comedouro” para o seu animal de estimação.

Impulsionados pela baixa do dólar que barateou o preço dos produtos e pela criação de ferramentas on-line que permitem a comparação dos preços e modelos, os eletrônicos apresentaram um crescimento significativo em relação aos anos anteriores, ocupando o quarto lugar no ranking dos produtos mais vendidos. 

 Ranking dos produtos mais vendidos

Lucrando com a rede

Para as empresas que já estão no mercado de lojas físicas, houve espaço para a abertura de um atendimento multicanal, pois elas mantêm suas lojas tradicionais, entretanto, aumentam seu faturamento total com a abertura de lojas virtuais. É o caso das Lojas Americanas, a rede de supermercado Extra, Casa& Vídeo e Magazine Luiza.

E ainda há espaço para a concorrência. Por ser uma modalidade vantajosa, que não exige custos com estrutura física, climatização e ainda garante uma visibilidade a nível mundial, muitos empresários adotaram esta prática. Até o final de 2008, estarão também on-line Carrefour, Casas Bahia e Wall Mart.

Ioni Maria Lopes representa a outra parte dos interessados em lucrar com a rede. Aos 51 anos, depois de já ter fechado comércios em diferentes áreas, resolveu investir somente neste mercado promissor vendendo artigos eróticos. “Posso ter um Home Office e assim não gastar com os aluguéis absurdos de um bom ponto. E o mercado para estes produtos está crescendo principalmente para a área on-line já que muitas mulheres têm vergonha de ir a um Sex Shop.”, explica a empresária que em breve colocará sua loja no ar.

A segurança é garantida, mas é preciso estar atento

Muitos ainda têm medo de inserir seus dados pessoais na rede, e preferem a segurança de uma loja física. Mas a realidade é que para uma loja virtual entrar no ar, é necessária uma série de análises e verificações para ver se ela realmente está apta para comercializar produtos. A estrutura de um site de vendas, ainda conta com FIREWALL físico, que protege o site de invasões.

Mesmo com tantas certificações, é preciso estar atento para não ser enganado quanto à idoneidade de uma loja que nem se sabe onde fica. Para tal, procure comprar em sites indicados por amigos, pesquise sobre a loja em órgãos de defesa do consumidor e em sites de avaliação, e, principalmente, desconfie de ofertas fora do comum, pois podem ser produtos roubados ou falsificados.

Tiago Almeida, analista de riscos do site Mania Virtual, que em menos de três anos no ar é certificado por sites de busca e classificado com o selo máximo do e-Bit, dá a dica. “É responsabilidade do cliente verificar essas informações antes de comprar. Você compraria um ROLEX por R$50 se o “vendedor” aparecesse do nada, falando que o produto tem o selo original? Por isso não adianta nós fazermos nosso trabalho para o site ser bom se o consumidor esquecer de fazer uma boa pesquisa”, afirma.

Portanto, fique tranqüilo. Comprar pela Internet é fácil, rápido e pode ser seguro. Aproveite e desfrute do conforto que a tecnologia tem a lhe oferecer.

Larissa Campello (larissacampello@gmail.com) • 6º período • Jornalismo Digital

Agência UVA é a agência experimental integrada de notícias do Curso de Jornalismo da Universidade Veiga de Almeida. Sua redação funciona na Rua Ibituruna 108, bloco B, sala 401, no campus Tijuca da UVA. Sua missão é contribuir para a formação de jornalistas com postura crítica, senso ético e consciente de sua responsabilidade social na defesa da liberdade de expressão.

4 comentários em “Internet: o novo veículo de vendas desta geração

  1. Larissa,muito interessante a forma como vc escreve, séria e transmitindo muita credibilidade. Vê-se logo que tem uma pesquisa minuciosa por trás da matéria!
    Parabéns e sucesso!

  2. Richard Ewaldt Campello

    Larissa, parabéns pela reportagem acima, muito esclarecedor, uma leitura de fácil compreensão. Puxou seu tio !!

  3. Anna Clara Campello

    Primaaaaaaaaaaaaaaaa.!
    Tú escreve muito beem .! Não sabia que vc inteligente \o/
    Parabéns .!

  4. Larissa, conteúdo focado de maneira inteligente, fazendo com que a leitura não seja cansativa. Há pouco tempo fiz um trabalho sobre Crimes Cibernéticos e sua dica é muito válida: “desconfie de ofertas fora do comum”…Parabéns! Só não vale ser “modesta”, tal como o tio …rs.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s