Internacional

Donald Trump recomenda ao Reino Unido que saia do Brexit sem pagar e sem acordo

Em entrevista à imprensa britânica, o presidente americano aconselhou o país a abandonar a União Europeia sem negociação 

Em entrevista à imprensa britânica, presidente americano aconselhou o país a abandonar a União Europeia sem negociação 

Nesta segunda-feira (3), Trump desembarcou no Reino Unido para uma visita de Estado de três dias, onde será recepcionado com honras e participará de um banquete no Palácio de Buckingham, tendo a rainha Elizabeth II como anfitriã. Porém, estão programados protestos contra a visita.  A viagem foi precedida pela declaração polêmica sobre o Brexit e pelo confronto verbal com o prefeito de Londres.

De acordo com o RFI, o presidente americano disse que “se você não conseguir o acordo que você quer, eu sairia” e que “se fosse eles, não pagaria US$ 50 bilhões de dólares” referente ao valor anunciado por Londres como o previsto no orçamento plurianual europeu em curso (2014-2020), que inclui um período de transição, acertado no acordo de divórcio. Apesar do projeto ter sido firmado em novembro entre os britânicos e a União Europeia,  ainda não foi confirmado.

5440995682_c53756ae95_b.jpg
Trump  já declarou seu apoio ao ex-ministro das Relações Exteriores Boris Johnson para substituir Theresa May (Foto: Gage Skidmore/ Visual Hunt)

Além desses pronunciamentos nas entrevistas, Trump também fez um comentário polêmico pelo Twitter em que menciona o prefeito de Londres, Sadiq Stansted, de forma negativa na sua atuação: “Sadiq Khan, que tem sido terrível como prefeito de Londres, criticou estupida e desagradavelmente a visita do presidente dos Estados Unidos, de longe o mais importante aliado do Reino Unido. É um perdedor irrecuperável que deveria se concentrar no combate à onda de criminalidade em Londres, não em mim”, escreveu Trump.

Vale ressaltar que o país passa por uma série de situações que culminam numa complexificação do cenário político, envolvendo a saída da primeira-ministra Theresa May que oficialmente deixará o cargo no próximo dia 7 e o adiamento do Brexit que agora está previsto para acontecer no dia 31 de outubro.


Ana Carolina Aguiar – 6º período

 

0 comentário em “Donald Trump recomenda ao Reino Unido que saia do Brexit sem pagar e sem acordo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s