Secretaria de turismo e cultura divulgam programação Olímpica

Um Rio de cultura durante as Olimpíadas. O secretário municipal de turismo, Antônio Pedro, divulgou na tarde desta quinta (28), no Rio Media Center, a programação do que irá acontecer durante os Jogos Olímpicos. Lugares populares, como o revitalizado Porto Maravilha e o Parque Madureira, foram escolhidos para abrigar shows e eventos durante o mês de agosto.

O Boulevard Olímpico – como está sendo chamado os mais de 3 mil quilômetros da Zona Portuária -, receberá muitas atrações durante o evento. Terão artistas internacionais como o JR, que irá tirar fotos com os fãs e depois colar no chão, onde irá formar um grande tapete, e os nacionais, como o Carnaval fora de época, que resultará pela primeira vez em um encontro das escolas de samba com os blocos de rua.

Junior Perim e Maria Isabel Werneck (01).jpg

Júnior Perim e Maria Isabel Werneck

As obras para melhor locomoção pela cidade acontecem desde a escolha da cidade como sede do evento. Após o término da Copa do Mundo, em 2014, o Rio aumentou em 16 os pontos de informações para turistas, assim como as sinalizações pelas ruas. O secretário disse ainda que mais 20 pontos extras estarão à disposição da população durante os Jogos. Na coletiva, as autoridades revelaram o uniforme dos anfitriões oficiais, que recepcionarão turistas em aeroportos e estarão presentes nos shows culturais.

O secretário afirma que, culturalmente, o Rio de Janeiro já ganhou medalha de ouro. “A cidade já começou bem. Só na Praça Mauá inauguramos 4 museus”. A estimativa da secretaria é de receber 1 bilhão de turistas e a receita esperada é de 1,8 bilhão de dólares. “O país passa por uma crise econômica e essa é a chance do Rio”. Para Antônio Pedro, o turista estrangeiro terá oportunidades de vivenciar e exportar os hábitos carioca.

Junior Perim%2c Antônio Pedro e Maria Isabel Werneck (02).jpg

Júnior Perim, Antônio Pedro e Maria Isabel Werneck

Além de tantas atrações, os secretários da cultura, Júnior Perim, Maria Isabel Werneck, detalharam o Passaporte Cultural. O artifício dá gratuidade e descontos à museus, restaurantes, hotéis e saraus pelo Rio. “O mais interessante desse projeto é que 50% estão localizados nos bairros populares”, revelou o secretário. O projeto estará disponível até o fim de setembro. Para mais informações, acesse: passaporteculturalrio.com e baixe o aplicativo “Visit Rio”.


Gabriel Brum – 5º Período

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s