Tribo do RPG invade a UVA

Jogos de RPG no pátio da UVA (Sandro Miranda)

Esqueça toda aquela imagem estereotipada que parte da mídia atribui a eles: os amantes dos Role-Playing Games, mais conhecidos como RPG’s, são pessoas dos mais variados perfis, que não tem nada de introvertidos ou anti-sociais, como muitos apregoam. Prova disso foi o sucesso do Dia D RPG, evento realizado nos dias 17 e 18 de maio, no campus Tijuca da Universidade Veiga de Almeida.

“O objetivo do evento é desmistificar a idéia marginalizada que infelizmente o RPG ainda tem. Queremos mostrar para o público em geral que não se trata apenas de um jogo, mas sim de algo relevante tanto social quanto culturalmente”, revelou Diego Lopes, um dos organizadores do Dia D.

 

O evento atraiu não apenas os jogadores clássicos de RPG, mas também pessoas interessadas nas palestras e discussões que o tema gera. Pouca gente sabe, mas o RPG possui fundamentos que vão muito além das cartas e dados; ele aprimora conhecimentos sobre Arte, História, Física e Culturas Gerais.
Em meio à animada jogatina, em que pessoas de todas as idades participavam democraticamente, havia stands, onde se podia comprar livros e revistas especializadas em RPG, além de jogos e miniaturas dos personagens mais conhecidos da galera. Um prato cheio para os fãs apaixonados, como o estudante Rodolfo Langhi. “Sou jogador há dez anos. RPG pra mim é tudo!”, sintetizou.

Alguém ainda duvida que o RPG veio para ficar?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s