Operação Lava-Jato: Justiça bloqueia bens do MDB, PSB, políticos e empresas

Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) trava valores e bens de acusados em ação de improbidade administrativa da Operação

A decisão da justiça atinge os parlamentares Valdir Raupp (MDB/RO), Fernando Bezerra (PSB/PE), Eduardo da Fonte (PP/PE), as empreiteiras Queiroz Galvão e Vital Engenharia Ambiental, os espólios de Sérgio Guerra (PSDB/PE) e Eduardo Campos (PSB/PE) e o Movimento Democrático Brasileiro (MDB) e o Partido Socialista Brasileiro (PSB). O valor do bloqueio determinado é de mais de R$ 3,57 bilhões.

O Ministério Público Federal (MPF) pediu os bloqueios no âmbito de uma ação de improbidade administrativa, ainda incompleta, que trata de desvios na Petrobras investigados pela Lava Jato. O pedido dos bloqueios para a 1ª instância da Justiça foi negado. Os promotores recorreram à 2ª instância, o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), que autorizou. Referente aos partidos políticos, a força-tarefa da operação e a Petrobras pediram que o bloqueio não atinja as quantias repassadas por meio do fundo partidário que, de acordo com a lei, são impenhoráveis.

-.png

Medida concedida pelo TRF4 diz respeito a dois esquemas de corrupção (Foto: Reprodução/ Twitter TRF 4°)

Na ação que tramita pela justiça, foram descritos dois esquemas de corrupção: um que envolve contratos vinculados à Diretoria de Abastecimento da Petrobras com a construtora Queiroz Galvão; o outro corresponde ao que seria o pagamento de propinas no âmbito da Comissão Parlamentar de Inquérito encarregada de apurar os fatos, para acobertar o esquema instaurado pelas empreiteiras e ex-dirigentes.

Ana Carolina Aguiar – 6º período

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s