Geral

Bolsonaro suspende radares em rodovias federais

Governo diz que suspensão começa na segunda (19), já a Polícia Rodoviária Federal e o Ministério da Justiça não confirmam o prazo da ação

O presidente Jair Bolsonaro decretou a suspensão do uso de radares de fiscalização de velocidade em rodovias federais. A ordem foi publicada no “Diário Oficial da União”, nesta quinta-feira (15), e encaminhada ao Ministério da Justiça, responsável pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A suspensão se aplica aos seguintes tipos de radares: Estático: instalado em veículo parado ou sobre suporte; Móvel: instalado em veículo em movimento; Portátil: direcionado manualmente para os veículos.

Leia também: https://agenciauva.net/2019/06/14/bolsonaro-demite-general-santos-cruz-da-secretaria-de-governo/

Bolsonaro cumprimenta cidadãos e fala à imprensa no Alvorada, na manhã desta quinta-feira (15). (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

A decisão presidencial não especifica quando a medida deve entrar em vigor, mas Bolsonaro disse na manhã desta quinta-feira que a suspensão passa a valer a partir de segunda-feira (19).

O advogado, ex assessor jurídico do Detran RJ e professor de Direito Penal da UVA, Marcelo Nogueira, de 48 anos, acredita que a medida seja um retrocesso absoluto. “A fiscalização e eventual punição são essenciais para educar e mudar o comportamento do motorista infrator”, afirma Marcelo.

Segundo ele ainda, as multas promovem um importante trabalho de conscientização e mudança. “Quando dói no bolso , as pessoas entendem o recado”, acrescenta o professor.

Trânsito congestionado em Rodovia em SP. (Foto: Agência Brasil)

O Ministério da Infraestrutura, que será o responsável pela revisão das normas, afirmou em nota que não há prazo definido para que a reavaliação do uso de radares seja realizada e eles voltem a ser utilizados. A PRF, por sua vez, ainda não se manisfestou sobre o caso.

Na segunda-feira, Bolsonaro havia afirmado que pretendia acabar com os radares móveis no país já na semana que vem, e que era “só determinar à Polícia Rodoviária Federal que não use mais”. O presidente, no entanto, afirmou que poderia voltar atrás se alguém “provar que esse trabalho é bom”.

Leia Também: https://agenciauva.net/2019/05/10/ministra-rosa-weber-da-cinco-dias-para-bolsonaro-explicar-decreto-sobre-as-armas/

Radar móvel utilizado pela Polícia Rodoviária Federal (Foto: Divulgação/PRF Tocantins)

Matheus Marques – 8° período

0 comentário em “Bolsonaro suspende radares em rodovias federais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s